Bahia

Aprendiz Legal: estagiário da Rede Bahia é eleito o melhor do estado

O Aprendiz Legal é um programa de aprendizagem voltado para a preparação e inserção de jovens no mundo do trabalho

Atualizado em 25/10/2013 22:05:03

Caíque Santos
caique.santos@redebahia.com.br

Uma solenidade na noite de desta quinta-feira (23), no Auditório do Mundo Plaza em Salvador, premiou Marcus Vinicius Barbosa do Nascimento, 20 anos, como o melhor estagiário da Bahia. A escolha foi feita pelo Centro de Integração Empresa-Escola (CIEE) que em parceria com a Fundação Roberto Marinho (FRM) mantém o programa Aprendiz Legal.

De acordo com Luciana Menezes, Supervisora da unidade do CIEE em Salvador, foram observados os critérios como assiduidade, comprometimento e progresso profissional. “Ver nosso aprendiz se destacando entre os 750 formandos revela o esforço dele e mostra que nossos empenhos deram certo”, comemorou Mara Salmeron, coordenadora de Gestão e Processos da Rede Bahia.


Marcus Vinicius Barbosa do Nascimento, 20 anos, foi escolhido melhor estagiário do estado


Para Marcus, o programa também o ajudou em sua vida pessoal. “Com o programa aprendi a vencer o medo de falar em público. Hoje consigo me dirigir a qualquer tipo de pessoa, desde a mais humilde até uma autoridade. Depois do estágio decidi também que carreira seguir”, disse Marcus, que começou no CORREIO e recentemente passou no vestibular da Ufba para o curso de Administração de Empresas.

Na solenidade, o CIEE também homenageou às empresas Rede Bahia, Sepro (Serviço Federal de Processamento de Dados) e Fundação José Silveira por terem se destacado nos quesitos qualidade dos estágios, oportunidades e acompanhamento dos aprendizes.

O Aprendiz Legal é um programa de aprendizagem voltado para a preparação e inserção de jovens no mundo do trabalho, que se apoia na Lei 10.097/2000, a Lei da Aprendizagem. A Lei determina que empresas de médio e grande porte contratem jovens de 14 a 24 anos, para capacitação profissional (prática e teórica), cumprindo cotas que variam de 5% a 15% do número de funcionários efetivos qualificados. É facultativa a contratação de aprendizes pelas microempresas (ME) e empresas de pequeno porte (EPP).

{{ commentsTitle }}
Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Ao comentar o autor da mensagem esta aceitando os Termos e Condições de Uso.
{{comment.username}} {{comment.creation_tstamp*1000 | date:'dd/MM/yyyy - HH:mm'}}
{{comment.comment}}
  • {{comment.dislike_count | number}}
Comentário aguardando moderação
Relacionadas

Salvador

Trânsito em Salvador
-- ºC
-- ºC

    Tábua de Marés

  • Alta03h30
  • Baixa09h32
  • Alta15h41
  • Baixa21h49

Assine o Correio 71 3533-3030

Fale com a Redação 71 3535-0330
Classificados Acheaqui71 3535-3035
Publicidade
71 3203-1812
Rua Aristides Novis, 123, Federação.
CEP: 40310-630 - Salvador, Bahia, Brasil.