Eleições

Pojuca é única cidade baiana a ter votação com urna biométrica

Sistema permite reconhecimento de eleitor pela ponta dos dedos.Esta é a segunda vez que os eleitores de Pojuca vão utilizar o sistema

Atualizado em 06/10/2012 14:31:51

Alexandro Mota
alexandro.silva@redebahia.com.br

Amanhã, a vendedora ambulante Luzania Maria Pereira, 50 anos, só precisará da ponta do dedo para se identificar na sua seção eleitoral, em Pojuca, Região Metropolitana de Salvador. “Desde a última eleição, usamos esse sistema, foi muito fácil e ninguém reclamou. Já votei com papel, na urna e,  agora, com esse sistema novo. Nem se compara, é muito mais rápido”, conta Luzania.

O sistema que a eleitora pojuquense se refere é o biométrico, método de identificação individual baseado em medidas biológicas, no caso das eleições, no reconhecimento das digitais. Esta é a segunda vez que os eleitores de Pojuca vão utilizar o sistema - a primeira foi nas eleições de 2010.


A principal função da biometria é impedir fraudes no processo eleitoral

Na cidade, com 66 seções equipadas com o novo modelo de urna eletrônica - além de outras oito reservas -, todos os 24.252 eleitores estão aptos  para serem identificados através do reconhecimento da digital. “Em 2009, foi feito o recadastramento de todos os eleitores de Pojuca. Desde 2010, qualquer novo alistamento na cidade é realizado com a coleta dos dados dentro dos padrões biométricos”, afirma a coordenadora do cadastro eleitoral do Tribunal Regional Eleitoral baiano (TRE–BA), Elma Teixeira.

“É feita a leitura do polegar, mas também pode ser utilizada a leitura dos demais dedos, caso haja alguma dificuldade, se a pessoa tiver perdido o desenho das digitais por causa de algum produto químico, ou algum corte”, explica.

Elma Teixeira diz que a possibilidade de não haver o reconhecimento das digitais é remota, considerando o relatório pós-eleições do último ano eleitoral, e só ocorre em casos de descamações severas na palma da mão.

Porém, caso haja problema na leitura, o presidente da seção é chamado para a identificação do eleitor nos padrões antigos (apresentação do documento com foto, para comparação com retrato da folha de votação, e assinatura de um documento). Será o presidente que digitará um código que liberará o voto do eleitor não identificado pelo sistema.

Documentos
Apesar de não ser obrigatória a apresentação de documento com foto nas seções com tecnologia biométrica, o TRE-BA recomenda que o mesmo seja levado, para facilitar a localização do cadastro do eleitor.

Em agosto, o TRE-BA testou o funcionamento da votação com identificação biométrica durante o Simulado Nacional da Justiça Eleitoral, que serviu também para verificar os programas de apuração, totalização e divulgação dos resultados da eleição. Eleitores das seções 1 e 2 (que votam na escola Conselheiro Saraiva, em Pojuca), da 200ª Zona, compareceram ao local do voto para simular o dia da votação, já com a tecnologia que será usada amanhã.

Expansão
Para as próximas eleições, a expectativa é de expansão da tecnologia na Bahia - atualmente só Pojuca dispõe do sistema biométrico. Segundo a presidente do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia, a desembargadora Sara Silva de Brito, até 2018 o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) pretende ter concluído 100% das zonas eleitorais da Bahia. A principal função da biometria é o impedimento de fraudes no processo eleitoral, evitando que outra pessoa vote no lugar de quem deveria votar.

“Desde que votei pela primeira vez já foi com a leitura biométrica. Acho importante o investimento nessas tecnologias. Não mudou muito a forma como votar e o que mudou foi pra melhor”, afirma a estudante Yne Manuela Cardoso, 20 anos.

Brasil
Nestas eleições, segundo o TSE, 7,7 milhões de pessoas em 299 municípios utilizarão o sistema no Brasil. O sistema biométrico deverá ser utilizado no país além do período eleitoral, auxiliando também a implantação do Registro de Identificação Civil (RIC), número único que identificará cada brasileiro para identidade, carteira de motorista, passaporte e outros documentos.

{{ commentsTitle }}
Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Ao comentar o autor da mensagem esta aceitando os Termos e Condições de Uso.
{{comment.username}} {{comment.creation_tstamp*1000 | date:'dd/MM/yyyy - HH:mm'}}
{{comment.comment}}
  • {{comment.dislike_count | number}}
Comentário aguardando moderação
Relacionadas

Salvador

Trânsito em Salvador
-- ºC
-- ºC

    Tábua de Marés

  • Baixa04h58
  • Alta11h02
  • Baixa17h34

Assine o Correio 71 3533-3030

Fale com a Redação 71 3535-0330
Classificados Acheaqui71 3535-3035
Publicidade
71 3203-1812
Rua Aristides Novis, 123, Federação.
CEP: 40310-630 - Salvador, Bahia, Brasil.