Cantor Danniel Viera leva clima junino para o Parque da Cidade

salvador
02.07.2017, 16:10:00
Atualizado: 02.07.2017, 17:48:31

Cantor Danniel Viera leva clima junino para o Parque da Cidade

O show do sertanejo contou com o apoio da Prefeitura e foi em comemoração a independência da Bahia

O sertanejo Danniel Vieira fez show no anfiteatro Dorival Caymmi, no Parque da Cidade (Fotos: Almiro Lopes)

Os festejos de São João já terminaram, mas quem já estava sentindo falta do clima junino pôde matar a saudade na manhã deste domingo (2), com o show do sertanejo Danniel Vieira, no anfiteatro Dorival Caymmi, no Parque da Cidade.

Foi a primeira vez do cantor, conhecido pelos fãs como Gordinho, no anfiteatro do Parque. Durante a apresentação, o clima foi de romance, especialmente quando ele cantou sua música de trabalho, "Louca". O público também curtiu outros sucessos do sertanejo que encerrou a maratona de 30 shows pelo interior do estado desde junho. "Estou terminando a temporada dando a oportunidade para as pessoas que estavam trabalhando durante esse período e que não puderam curtir as festas. Nosso show é democrático e agrega toda a família", pontuou. 

O anfiteatro Dorival Caymmi, no Parque da Cidade, ficou lotado

"Esse show foi exclusivo para mim", disse a manicure Taise da Silva, 23 anos, que, apesar de morar na cidade de Santa Inês, a cerca de 300 quilômetros de Salvador, precisou vir à capital para respirar o clima junino. "Trabalhei todo o São João produzindo minhas clientes e nem tive tempo de curtir a farra. Agora vou aproveitar o evento pra dançar muito", completou. 

Cinthia, Robson e o pequeno Heitor: diversão em família

Quem também estava animada era a auxiliar de classe Lais Santana, 22, que aproveitou o feriado para curtir ao lado dos amigos. "Adoro todos os cantores sertanejos. Já tomei uma cerveja pra entrar no clima, só não vou exagerar para não chegar amanhã no serviço com dor de cabeça", brincou. 

E o clima era mesmo familiar. O cantor, que prometeu aos fãs surpresas durante o show, aproveitou o momento ao lado da esposa e da filha para anunciar que vai ser pai pela segunda vez. Fora do palco, o pequeno Heitor Damião, 3 anos, também estava com familiares. Apesar do sol forte, ele corria sem parar, de um lado para o outro. "Eu adoro sertanejo, estou com um olho no palco e outro nele para não perder nada", disse a mãe do menino, a fisioterapeuta Cinthia Tavares, 36 anos, que tocava a empreitada com ajuda do marido, o técnico em eletrônica Robson Farias,33. 

As ambulantes Luciane Nogueira, 32, e Denise Batista: preferem música evangélica, mas o importante são os clientes

As ambulantes Luciane Nogueira, 32, e Denise Batista, 23, contam que gostariam mais de repertório gospel, mas aproveitaram a movimentação dos visitantes para levantar um grana. "Olha, prefiro a cantora Damares, não curto músicas mundanas, mas o importante mesmo são os clientes", explicou Denise. 

Ainda no Parque, o gramado da Praça Confúcio recebeu, das 8h às 9h30, a atividade “Falun Dafa”, que consiste na prática de meditação com exercício suave da mente. De acordo com a Guarda Municipal, 20 mil pessoas devem circular pelo Parque até o final do dia.  O evento recebeu apoio da Prefeitura e celebrou a Independência da Bahia.