Furacão Nate chega aos Estados Unidos após matar 28 pessoas na América Central

mundo
07.10.2017, 20:30:00
Atualizado: 07.10.2017, 22:04:57
População usa chapas de aço para proteger vidraças nas cidades do Mississipi (Mark Wallheiser/AFP)

Furacão Nate chega aos Estados Unidos após matar 28 pessoas na América Central

Ciclone foi classificado como de categoria 1 e tem ventos de 74km/h

O furacão Nate chegou ao território dos Estados Unidos, próximo da foz do rio Mississippi, nos Estados Unidos. Com ventos de 74 quilômetros por hora, é considerado um furacão de categoria 1. O Centro Nacional de Furacões afirmou na noite deste sábado (07) que Nate deve passar por algumas áreas nos estados de Mississippi, Alabama e Tennessee.

A tempestade se enfraqueceu levemente e se move rumo ao norte, a pouco menos de 32 quilômetros por hora. Foram retiradas e levadas para abrigos pessoas que vivem nas regiões mais vulneráveis e também estabelecido um toque de recolher em áreas que devem ser atingidas, com ordem para que ninguém saia para rodovias e para que todos garantam lugares seguros.

Nate já matou pelo menos 28 pessoas na América Central. Nos EUA, a expectativa é de fortes chuvas e prováveis problemas no fornecimento de energia. 

O presidente Donald Trump emitiu preventivamente uma declaração de emergência, que permitirá a liberação de ajuda federal, caso o furacão aumente de intensidade e cause estragos como o Harvey, que atingiu o Texas no mês passado.