Negócios: Azul aumenta presença na Bahia e vai operar em mais um aeroporto

negócios
23.02.2016, 12:42:00
Atualizado: 23.02.2016, 12:43:39

Negócios: Azul aumenta presença na Bahia e vai operar em mais um aeroporto

Companhia aérea com maior presença na Bahia, a Azul Linhas Aéreas anunciou a intenção de operar em mais um aeroporto no estado, o de Guanambi. O terminal de Guanambi tem  importância estratégica, pois é  próximo das minas de ferro (produção em compasso de espera da Ferrovia Oeste-Leste) e de parques eólicos (em operação) de Caetité e outras cidades do Sudoeste. Atualmente, executivos de empresas com interesse na região só contam com o aeroporto de Vitória da Conquista, a três horas de carro de Caetité. Se o voo for implementado, a Azul estará operando em 12 cidades baianas, além de Guanambi: Salvador, Feira de Santana, Ilhéus, Porto Seguro, Vitória da Conquista, Comandatuba, Teixeira de Freitas, Paulo Afonso, Lençóis, Valença e Barreiras. Outras novidades que devem ser implantadas até o final deste ano são uma ligação diária entre Porto Seguro e Campinas (já a partir do dia 22), a ligação Porto Seguro e São José do Rio Preto e Presidente Prudente (assim com Campinas, importantes municípios do interior de São Paulo), retomada do voo Vitória da Conquista – Salvador, ligação Teixeira de Freitas – Salvador e a possibilidade de voos diários em Feira de Santana caso seja aprovada a operação noturna do Aeroporto João Durval. Algumas destas rotas terão, ainda, substituição de aeronaves, saindo o turboélice ATR por um jato da Embraer.

Bahia lidera vendas da CVC
 A CVC fechou 2015 com crescimento de 6% nas vendas. A boa notícia é que a Bahia continua sendo o principal receptor de pacotes vendidos pela operadora. Dos 20 destinos nacionais que mais receberam turistas da CVC ao longo de 2015, quatro deles eram baianos: Porto Seguro, Salvador, Costa do Sauipe e Praia do Forte. No total, destinos baianos foram responsáveis por 25% das venda de pacotes nacionais da operadora. No entanto, apesar de o estado continuar na liderança da preferência do turista brasileiro, o vice-presidente de Vendas, Produtos e Marketing da companhia, Valter Patriani, alertou que a participação baiana nas vendas da CVC já atingiu 35%. Na visão do executivo, os motivos desta queda são a falta de investimentos em infraestrutura e a realização de eventos  na capital que atrapalham o fluxo de turistas para a Linha Verde. As declarações de Patriani foram dadas na convenção de vendas anual da CVC, realizada em Costa do Sauipe.

EAD: Unijorge vai abrir 30 polos
 Depois de dois anos de espera, a Unijorge  recebeu autorização do Ministério da Educação (MEC) para abrir 30 polos de Educação a Distância (EAD) na Bahia. Os municípios que receberão os polos são mantidos em sigilo por razões estratégicas, alegou o vice-presidente da rede Ilumno Brasil (proprietária da Unijorge), Davino Machado. Segundo ele, o lançamento será em maio e inicialmente serão oferecidos os atuais  cursos de graduação a distância já oferecidos pela Unijorge em Salvador: Administração, Ciências Contábeis, Serviço Social, Pedagogia, Gestão Ambiental, Gestão Comercial, Gestão de Recursos Humanos, Gestão Financeira, Logística, Marketing, Processos Gerenciais e Segurança no Trabalho. Posteriormente, o número de cursos deve ser ampliado. Depois de uma parada para reformular programas e metodologia, a Unijorge vai voltar a oferecer pós-graduação a distância a partir de 2017.

Fique por dentro
*O Atacadão recebeu 6 mil pessoas no dia de abertura da loja em Santo Antônio de Jesus, na quinta.  Trata-se da 12ª unidade da rede na Bahia, e conta com mais de 10 mil itens distribuídos em uma área de vendas de cerca de 5.600 m².