Número de mulheres é maior do que de homens na Bahia, aponta IBGE

Número de mulheres é maior do que de homens na Bahia, aponta IBGE

Para cada grupo com 100 mulheres, existem 88,3 homens

Redação CORREIO


Para cada 100 baianas existem pelo menos 88 baianos, segundo apontou pesquisa divulgada nesta sexta-feira (17) pelo IBGE. Em todo o país, são mais de cinco milhões de mulheres a mais do que homens.

A proporção entre homens e mulheres na Bahia é uma das maiores entre as Regiões Metropolitanas do país. Dos 191,8 milhões de habitantes do Brasil em 2009, 98,4 milhões são mulheres. A expectativa de vida ao nascer, para os homens é 69,4 anos, já para as mulheres é de 77 anos.

Ainda segundo o estudo do IBGE, baseado nos dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad), apesar de a cada ano nascerem mais homens que mulheres, elas vivem mais do que eles. No Nordeste a proporção é de 94,8, no Centro-Oeste, 96,1, e no Sul, 95,3. O Sudeste possui a maior diferença (93,3 homens para cada 100 mulheres) e o Norte a menor (99,1).

A porcentagem de pessoas que se declaram de cor parda representa 59,8%, enquanto as que se declaram brancam somam 23% e preta 16,8%. A taxa de casamentos se manteve quase inaltarerável em relação à pesquisa realizada em 1999.