QuantA: mudar de rota, realizar, agrupar, vencer o medo e recomeçar

flavia azevedo
12.01.2018, 07:07:33
Atualizado: 12.01.2018, 11:49:51

QuantA: mudar de rota, realizar, agrupar, vencer o medo e recomeçar

Carão da semana
O carão vai para Catherine Deneuve e Danuza Leão. É óbvio, mas eu vou dizer: assédio não é paquera. Tem que parar depois do “não” da outra pessoa. Seja homem ou mulher. Ora, me deixem e vão caçar o que fazer.

Mudar de rota, realizar, agrupar, vencer o medo, avançar, recomeçar. Mulheres (que) inspiram caminhadas. Vamos em frente. Eu, você e todas elas!

Na Carona, Estúdio Móvel, transmissão do Carnaval de Salvador e muitos outros trabalhos. Liliane Reis fez história diante das câmeras. Morando no Rio há dez anos, a baiana casou com Daniel e teve dois filhos: Iolanda e Nicolas. No próximo dia 16, a família parte para uma temporada de cinco meses em Paris, onde mamãe dá mais uns passos no mestrado que conclui ainda este ano, na Universidade Federal Fluminense, em parceria com a Nouvelle Sorbonne. Em pauta, a presença da mulher no palco e a construção do feminino no imaginário das artes. Antes disso, gravou o Decola (lembra?) que volta ao ar, no canal CineBrasilTV. São 20 episódios inéditos rodados nas regiões Norte e Nordeste do país.

Liliane Reis
(Foto: Acervo Pessoal)

É sem cordas, com campanha, com panfletos, com respeito, com autoestima e som da melhor qualidade. Para a nossa felicidade, neste ano, o trio independente Respeita as Mina desfila outra vez e a Maré Produções já divulgou quem vai cantar. Ao lado de Larissa Luz, Karina Buhr e Pitty vão fazer esse Carnaval cheio de missões.

Larissa Luz
(Foto: Evandro Veiga/CORREIO)

Ana Kalil é baiana, mas nasceu na Califórnia. É. E foi para a Bahia que ela voltou depois de 25 anos morando no Rio de Janeiro. Nesse tempo, se formou na Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da UFRJ, fez amigos e viajou pelo mundo. Também a trabalho: projetou hotel na Espanha, os palcos do RockinRio em Lisboa e Madri, algumas lojas em Luanda (Angola) e camarotes na Sapucaí, entre um monte de outras experiências. Neste ano, faz a sua estreia no Carnaval de Salvador assinando a cenografia do camarote Expressinho2222Gloob sob o comando de Flora Gil em parceria com o canal Gloob (Globosat). O espaço será  exclusivamente para crianças e já é um dos “como não pensei nisso antes?” da nossa festa maior.

Ana Kalil
(Foto: Acervo Pessoal)

Priscilla Adduca se formou em Direito, mas o “não é isso que eu quero fazer da vida” chegou junto com o diploma. Nunca exerceu a profissão. A baiana foi pra São Paulo há dez anos e começou a mudança de rota com uma confecção de biquínis. Em algum momento, passou a pesquisar histórias de mulheres empreendedoras. Mais do que isso, de mulheres que descobriram seus talentos e os colocaram a favor do mundo. A busca de inspiração para a própria vida virou o trabalho em si. Em 2014, bingo! Nasceu o Mulheres que Inspiram, que hoje tem 70 mil seguidores no Instagram. Na prática, um projeto que ajuda mulheres a desenvolver trabalhos que, de fato, expressem o melhor que há em cada uma delas. Um grupo que conecta mulheres e promove atividades presenciais em São Paulo e Salvador, onde Priscilla voltou a morar. É lindo! Vê lá: mulheresqueinspiram.com

Priscilla Adduca
(Foto: Acervo Pessoal)


Mulherão
Kiyomi Kuratani Pimentel é delegada de polícia civil, em Salvador. Ela conta que chorou uma noite inteira quando passou no concurso, 13 anos atrás. Puro medo do que teria que enfrentar em um ambiente profissional ostensivamente masculino. Mas, medo é uma coisa que dá e passa. Também deu e também passou quando descobriu um câncer de mama, devidamente curado. Hoje, se divide entre as delegacias, os amores e a faculdade de veterinária. Essa última, ponte pro mundo dos bichos, onde se sente feliz. Cria cavalos, gatos, cachorros, tatuagens, piercings e confusão porque ela é braba de verdade. Foge pro mato sempre que pode. Com Zé. Porque, no meio disso tudo, encontrou um amor onde pode ser quem é. Sem ajustes. Sem “hierarquia”. Sem pentelhação.

Medo é uma coisa que dá e passa

Kyomi Pimentel
(Foto: Acervo Pessoal)

Vale o print