Carnaval

Em quase duas horas de show, BaianaSystem eletriza multidão no Largo do Pelourinho

Mesmo com espera demorada - show teve início uma hora e meio depois do previsto-, público lotou o local até os últimos minutos

Marília Moreira (marilia.silva@redebahia.com.br)
Atualizado em 10/02/2016 02:17:19

Comandada pelo vocalista Russo Passapusso, a banda BaianaSystem deu início ao show de encerramento do Carnaval do Pelô, no Largo do Pelourinho, com uma hora e meia de atraso. Mesmo com a espera demorada pela banda, o público lotou o local até os últimos minutos do show, que durou quase duas horas no clima "a mais de mil decibéis", entoado pela banda em uma de suas canções.

De acordo com a diretora do Centro de Culturas Populárias e Identitárias (CCPI), Arany Santana, eram estimadas 10 mil pessoas quando a banda subiu ao palco, às 0h em ponto. "Uma honra receber esse grupo que começou aqui no Pelourinho para encerrar o Carnaval deste ano", disse ela em entrevista à TVE.

(Foto: Reprodução/ Instagram)

Logo nos minutos iniciais do show, a banda apresentou a sua mais nova canção Lucro (Descomprimindo). "BaianaSystem agradece à presença de cada um nesse solo sagrado", disse Russo ao ser acompanhado por uma plateia que já sabia cantar os versos da música, gravada recentemente, mas tocada ao vivo em shows anteriores da banda.

Essa, inclusive, é a tônica do soundsystem, linhagem a que o grupo se filia. "Não existe letra nova, existe recriação e colagem. Isso é o soundsystem", definiu o vocalista ao lembrar do grupo Ministereo Público, de Salvador, que faz um trabalho nos mesmos moldes da banda há alguns anos. "Meu coração é soundsystem e meus irmãos não desistem", diz um verso da canção que puxou logo em seguida.

No show, a BaianaSystem saudou, nominalmente, diversos bairros de Salvador, a exemplo de Cajazeiras, Cabula, Boca do Rio, Engenho Velho, São Gonçalo, Liberdade e Amaralina.

Devido ao clima de agitação característico da multidão, Russo também pediu que as pessoas brincassem na paz, sem brigas. "Energia positiva gera energia positiva, sem caô", chegou a dizer no início do show, que não foi interrompido por mais instruções do tipo.

No repertório, diversas músicas do repertório próprio da BaianaSystem, mas também fruto de parcerias, como Afoxoque, assinada por Russo e Curumin. Também houve espaço para relembrar uma canção de BNegão, rapper que fez show ao lado da banda no último domingo (7), na Praça Castro Alves - Margareth Menezes também participou. "Vamos fazer ele ouvir lá do Rio de Janeiro", pediu Russo à plateia.

Como prometido, a banda  apresentou uma prévia do novo trabalho, produzido pelo paulista Daniel Ganjaman, e que deve ser lançado em breve. O segundo álbum da BaianaSystem contará com participações de Márcio Victor e d'As Ganhadeiras de Itapuã. Oxe, Como Era Doce, Amendoim Pão de Mel, Terapia, Playsom embalaram o público sedento pelo som da banda.

publicidade

Carnaval

+ Mais
Relacionadas

Salvador

Trânsito em Salvador
-- ºC
-- ºC

    Tábua de Marés

  • Alta00h58
  • Baixa07h11
  • Alta13h28
  • Baixa19h41

Assine o Correio 71 3533-3030

Fale com a Redação 71 3535-0330
Classificados Acheaqui71 3535-3035
Publicidade
71 3203-1812
Rua Aristides Novis, 123, Federação.
CEP: 40210-630 - Salvador, Bahia, Brasil.