Concursos

Relato: Concurseira decidiu estudar para concurso para conseguir estabilidade e segurança

A concurseira Aline Libório conta sobre a sua decisão de estudar para concurso, e como fez para conciliar trabalho e rotina estudos

Maryanna Nascimento
Atualizado em 17/04/2017 10:48:02

Aline Libório, concurseira  "Sou formada em Administração, tenho pós-graduação e passei por boas empresas que me fizeram amadurecer como profissional. Porém, eu não me firmei em nenhuma e, por trabalhar em uma área dinâmica, de compra de suprimentos, nunca senti segurança.

Aline Libório, concurseira (Foto: Divulgação)

Foi nesse contexto que surgiu a ideia de fazer concurso, o que pode me dar estabilidade. Tentei enquanto trabalhava, mas chegava cansada e desmotivada e não conseguia estudar como devia. Até que a última empresa em que trabalhei estava passando por situação difícil e mudou de estado. Fui demitida e, diante disso, pensei ‘É Deus me tentando’. E voltei a estudar. Você se vê sem saída, espera que as coisas fluam e elas não fluem.

Diante do desemprego e de salários baixos que não atendem mais às demandas que você vinha praticando, é preciso ter novas metas e a minha foi estudar para concurso. Às vezes bate a insegurança, já que você precisa abrir mão de muita coisa, mas continuo firme. Para me segurar com relação a despesas, tenho que fazer em paralelo um trabalho autônomo. Ainda assim, estou focada e vou me dedicar a um certame. Afinal, criei uma meta e ela precisa ser alcançada. É fé, vontade, força e determinação, tudo junto em busca de um objetivo. Enquanto isso, estou à procura de emprego porque não posso me dar ao luxo de parar".

publicidade

Salvador

Trânsito em Salvador
-- ºC
-- ºC

    Tábua de Marés

  • Alta04h24
  • Baixa10h30
  • Alta16h49
  • Baixa22h53

Assine o Correio 71 3533-3030

Fale com a Redação 71 3535-0330
Classificados Acheaqui71 3535-3035
Publicidade
71 3203-1812
Rua Aristides Novis, 123, Federação.
CEP: 40210-630 - Salvador, Bahia, Brasil.