Variedades

Jorge Ben Jor ganha homenagem à altura do seu suingue

Cantor e compositor repassa trajetória, ao lado de Skank e Céu, no projeto Nivea Viva

Hagamenon Brito (hagamenon.brito@redebahia.com.br)
Atualizado em 15/03/2017 21:23:17

Samuel Rosa, Jorge Ben Jor e Céu (Foto: Léo Aversa/Divulgação)

 Rio de Janeiro - Gigante da MPB com uma obra de muita personalidade e originalidade, o cantor e compositor carioca Jorge Ben Jor está no centro das atenções musicais mais uma vez. Ao lado dos súditos mineiros do Skank e da cantora paulista Céu, Ben Jor celebra sua própria história na sexta edição do projeto Nivea Viva, cuja avant-premiere para a imprensa e convidados, na noite de terça-feira, na casa de espetáculos Vivo Rio, mostrou que a química entre o homenageado e seus "jovens" parceiros de palco funciona.

Especialmente, com o Skank, competente e desde sempre tendo Ben Jor como uma das suas grandes  influências, tanto que gravou uma canção  (Cadê o penalty?) do mestre em seu primeiro disco, em 1992, e foi por ele imediatamente apadrinhado. Céu não se mostrou muito à vontade, mas pode-se creditar à tensão da estreia e ao fato de ela estar cantando ao lado do ídolo e do homem que compôs para a sua mãe, a artista plástica Carolina Whitaker,  o clássico Carolina Carol Bela, 1969, em parceria com Toquinho. É muita responsabilidade e afeto envolvidos. Os dois falaram sobre essa curiosidade no show.

Com direção geral da baiana Monique Gardenberg,  o show tem um visual pop e colorido adequado ao clima tropical e cinematográfico deJorge Ben Jor, com vídeos para cada uma das 35 canções do set list, projetados em telões de LED no fundo do cenário. Durante Os Alquimistas Estão Chegando, por exemplo, aparecem imagens do filme Viagem à Lua, de George Milies, e de O Pão Nosso de Cada Dia, de Murnau,  em Que Pena. O repertório passeia por todas as fases da longeva e rica carreira do homenageado, incluindo País Tropical (com Skank e Céu), Balança Pema (Skank), Chove Chuva  (Céu) e Taj Mahal (Ben Jor, Skank e Céu).

Na plateia, ao lado da esposa, a produtora Flora Gil, Gilberto Gil elogiou o amigo: "Jorge é o rei do suingue e é tão bonito ver Céu e o Skank juntos com ele". Depois, Gil foi ao camarim cumprimentar o amigo e velho parceiro, assim como Erasmo Carlos.

A turnê Nivea Viva Jorge Ben Jor pega a estrada, sempre em praças e grandes espaços públicos, com entrada gratuita, dia 2 de abril em Porto Alegre, depois passa pelo Rio (9/4), Fortaleza  (7/5), Recife (21/5), Brasília  (11/6) e São Paulo (25/6). Por problemas de logística, ainda não está definido se Salvador, presente nas edições anteriores do projeto, terá também o privilégio de ver o bom show em tributo a Jorge Ben Jor, mas a produção do evento garante que ainda existe a possibilidade da capital baiana ser a sétima praça da turnê. Vamos torcer, pois não.

O jornalista viajou a convite do projeto Nivea Viva

publicidade

Salvador

Trânsito em Salvador
-- ºC
-- ºC

    Tábua de Marés

  • Alta00h58
  • Baixa07h11
  • Alta13h28
  • Baixa19h41

Assine o Correio 71 3533-3030

Fale com a Redação 71 3535-0330
Classificados Acheaqui71 3535-3035
Publicidade
71 3203-1812
Rua Aristides Novis, 123, Federação.
CEP: 40210-630 - Salvador, Bahia, Brasil.