Adversário de Robson para luta no Rio é definido

esportes
06.02.2019, 20:39:22
Robson volta aos ringues em 31 de março (Evandro Veiga/Arquivo CORREIO)

Adversário de Robson para luta no Rio é definido

Baiano encara argentino Sergio Ariel Estrela no dia 31 de março

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

O argentino Sergio Ariel Estrela, de 32 anos, será o adversário do baiano Robson Conceição, dia 31 de março, em Mangaratiba (RJ), em duelo dos superpenas (até 58,967 kg) válido pela quinta edição do Boxing For You.

Estrela, que fará apenas a sua segunda luta fora da Argentina - a primeira foi no México - vem de duas derrotas. A última foi diante do compatriota Federico Sebastian Pedraza, em 11 de janeiro. O argentino tem um cartel de 20 vitórias (11 nocautes), 16 derrotas (três nocautes) e três empates.

Campeão olímpico nos Jogos do Rio-2016, Robson fará sua estreia em ringues brasileiros como profissional. O pugilista de 30 anos acumula 11 vitórias, das quais cinco por nocaute. Um novo triunfo deve colocar o pugilista baiano no ranking mundial.

Esquiva Falcão, outra grande atração da edição carioca do Boxing For You, está voltando para a Califórnia, nos Estados Unidos, para treinar com o seu técnico Robert Garcia. O medalha de prata em Londres-2012 vai atuar como sparring de Mickey Garcia, irmão de Robert Garcia.

A participação de Esquiva neste treinamento é importante por trabalhar ao lado de um dos grandes pugilistas da atualidade. "O training camp será bastante intenso, com muito sparring, parte física e técnica. Cheguei a um nível em que a exigência é enorme Os adversários estão cada vez mais difíceis e, claro, a preparação precisa ser muito boa", diz Esquiva Falcão.

O adversário de Esquiva para o duelo de 31 de março ainda não foi definido pela Top Rank, empresa do lendário Bob Arum, que cuida da carreira dos dois pugilistas brasileiros.

Esquiva é o sexto colocado da Associação Mundial de Boxe (AMB), oitavo da Federação Internacional de Boxe (FIB) e décimo no Conselho Mundial de Boxe (CMB). O boxeador capixaba soma 22 vitórias, com 15 nocautes. Aos 29 anos, será a primeira vez que o lutador vai se apresentar no Brasil como profissional.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas