Afro Fashion Day abre seletiva para a sua 6ª edição pelo Tik Tok

entretenimento
02.10.2020, 16:57:00
Atualizado: 14.09.2021, 19:26:11
Em 2019, modelos posam com roupas feitas em homenagem ao Ilê (Foto: Florian Boccia)

Afro Fashion Day abre seletiva para a sua 6ª edição pelo Tik Tok

Inscrições vão do dia 4 a 6 de outubro; veja como participar

Quem pensou que a pandemia do coronavírus ia 'gongar' (ou acabar) o Afro Fashion Day se enganou. Errou rude e errou feio. O evento de moda realizado pelo CORREIO que, desde 2015, revela talentos da capital baiana para o mundo vai rolar em 2020, sim! E as inscrições para quem quer fazer parte dessa história abrem no próximo domingo (4). Tudo de modo digital. Quer saber como participar? Segue aqui no texto que a gente te explica.

O primeiro passo para você se inscrever é botar a cara no sol... ou melhor, no Tik Tok. É isso mesmo: as inscrições para a primeira etapa da seleção acontecerão de 4 a 6 de outubro no TIKTOK .

Para participar, você tem que postar seu vídeo, no seu perfil do TikTok, desfilando, no estilo Passarela Challenge. Algumas coisinhas não podem faltar no seu vídeo. Vamos a elas:

1. Usar as hashtags #SeletivaAFD e #PassarelaChallenge;
2. Escrever na legenda o seu NOME e IDADE;
3. Deixar o seu vídeo PÚBLICO.

Copiou direitinho? Ah, e tem som original do desafio, no perfil do @correio24horas, lá no TikTok, pra você usar no seu vídeo, viu? Não falta nada pra você brilhar na passarela mais negra do Brasil.

AFD
A ideia do Afro Fashion Day surgiu há cinco anos, fruto da imaginação do então diretor-executivo do Jornal CORREIO, Sérgio Costa , falecido em março de 2016. Idealizadora do projeto, Gabriela Cruz aponta que uma das prioridades era fazer o evento um lugar de fácil acesso e aberto ao público. 

O nome de Passarela Mais Negra do Brasil não é 'de boca'. O casting do AFD é composto inteiramente por pretas e pretos. Na edição de 2019, foram 64 profissionais desfilando. Mais de 250 modelos passaram pela passarela do Afro Fashion Day, que já revelou muitos talentos. Quer exemplos? Então tome: a top model Ana Flávia, primeira mulher negra vencedora do concurso Supermodel Of the World Brasil; Munik Lemos, que era vendedora de peixe frito na Ribeira e já participou de clipe da cantora Anitta e Noriah Santos, hoje modelo da Iconic Management em Berlim e Xangai.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas