Ana Paula Scheffer, ex-Seleção de Ginástica Rítmica, é encontrada morta aos 31 anos

esportes
16.10.2020, 16:45:58
Atualizado: 16.10.2020, 16:56:52
(Foto: Alaor Filho/AE e Divulgação)

Ana Paula Scheffer, ex-Seleção de Ginástica Rítmica, é encontrada morta aos 31 anos

Mãe suspeita que ex-ginasta tenha sofrido infarto fulminante em casa

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Ex-atleta da Seleção Brasileira de Ginástica Rítmica, com a qual foi medalhista panamericana, Ana Paula Scheffer, 31 anos, foi encontrada morta em casa, nesta sexta-feira (16), em Toledo, no interior do Paraná.

A suspeita é que a ex-ginasta tenha tido um infarto fulminante, segundo a família. As informações são do G1.

Fontes da família de Ana Paula contaram também que ela estava deitada na cama do quarto quando foi encontrada, por volta das 12h, pela mãe Sonia Scheffer.

"Ela era uma menina muito alegre, muito querida. Nunca me deu trabalho, era muito amorosa. Foi nosso orgulho, meus dois filhos são orgulhos para mim. Vai ser mais difícil, porque parece que é um sonho o que estou passando. A hora que cair a ficha vai ser difícil", disse a mãe ao G1. A causa da morte ainda será apurada e confirmada.

"A gente não tem ideia, falam que é infarto, mas tem que esperar o resultado. Provavelmente é infarto, não tem explicação. Não caiu a ficha", disse Sonia.

Ainda de acordo com a mãe, a filha não estava doente nem reclamava de dores.

O velório deve ser realizado em Toledo, mas o local ainda não foi definido. O corpo da ex-atleta foi levado para o Instituto Médico-Legal (IML) de Toledo.

Ana Paula recebeu medalha de bronze no aparelho Arco, nos Jogos Pan-Americanos no Rio, em 2007.

Segundo a Confederação Brasileira de Ginástica, Ana Paula também trabalhou como treinadora nas seleções transitórias de Ginástica Rítmica Individual e de Conjunto. Atualmente, ela trabalhava como técnica de ginástica rítmica, em Cascavel.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas