Apoiado pela torcida, Leão tem reforço de Marcinho no último treino antes do CRB

esportes
21.11.2021, 16:43:00
Torcida compareceu ao Barradão para apoiar equipes antes de viagem para Maceió (Pietro Capri/ECV)

Apoiado pela torcida, Leão tem reforço de Marcinho no último treino antes do CRB

Equipe abriu o Barradão para torcedores, e atletas agradeceram apoio durante atividade

Buscando uma aproximação com a torcida para o momento decisivo na Série B, o Vitória decidiu abrir as portas do Barradão para receber apoio durante a última atividade antes de viajar para Maceió, onde enfrenta o CRB. A partida acontece às 18h desta segunda-feira (22), no Rei Pelé, pela 37ª rodada da competição.

Entre as novidades no gramado estava o atacante Marcinho. Peça fundamental para a equipe nesta reta final de campeonato, ele estava com uma lesão na coxa e não enfrentou o Botafogo-PB, na eliminação na pré-Copa do Nordeste, na última quinta-feira (18).

No treinamento de domingo, ele seguiu com o tratamento para o incômodo muscular, mas encerrou a manhã junto com os outros atletas no campo. Assim como o outro atacante, Hítalo, da divisão de base.

Depois de se recuperar de uma lesão no ligamento medial do joelho esquerdo, ele foi reintegrado ao elenco de Wagner Lopes e foi relacionado para enfrentar o CRB fora de casa.

 

Em coletiva realizada após o treinamento, o técnico afirmou que a parceria entre clube e torcida é fundamental para ajudar na briga contra o rebaixamento. 

“É muito importante tê-los aqui e hoje. Desde o primeiro momento que entraram já cantaram o hino do Vitória, o nome dos jogadores. A gente fica muito feliz em poder ter o nosso torcedor perto de nós. Sempre que for possível, a gente quer abrir os treinos para que eles venham nos acompanhar, nos fortalecer e nos apoiar. Nós vamos fazer o nosso melhor para voltar de lá com bom resultado, disse Lopes.

Assim como apoiaram no jogo contra o Cruzeiro e no duelo diante do Botafogo-PB, pela pré-Copa do Nordeste, os torcedores declaram ainda acreditar na permanência. Representante de uma das organizadas do Vitória, Gabriel Oliveira reforçou que o pacto entre, torcida, diretoria e jogadores é necessário nesse momento. “Vai ficar o legado que o Vitória quando está unido é muito mais forte”, completou.

Os jogadores também demonstraram confiança após a presença da torcida no treino. O lateral-esquerdo Roberto, um dos mais aplaudidos pelos espectadores no estádio, disse que ficou emocionado ao ver a atitude do clube, atendida pela torcida.

“Emocionante esse apoio do nosso torcedor. Creio que vai nos dar mais confiança ainda e o que a torcida vem fazendo nesses jogos é algo surreal, bem importante, que nos ajuda a manter essa pegada e ficar mais motivados. Tenho certeza de que esse carinho a gente vai retribuir dentro de campo e com fé em Deus voltar com o resultado”, disse.

Já o meia Eduardo prometeu “fazer o possível e o impossível para trazer os três pontos de Alagoas”.

O time tem chegada prevista em Maceió às 20h55, após fazer uma escala em Recife.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas