Aposentado paga R$ 20 mil por "viagem dos sonhos", mas empresa fecha e ele não embarca

brasil
25.12.2015, 16:52:00

Aposentado paga R$ 20 mil por "viagem dos sonhos", mas empresa fecha e ele não embarca

Na internet, o dono da agência respondeu que foi pego pela crise. "Fomos obrigados a encerrar nossas atividades", diz a nota

O Correio oferece acesso livre a todas as notícias relacionadas ao coronavírus. Entendemos que informação séria e confiável é importante nesse momento. Colabore para que isso continue. Assine o Correio.


Após investir R$ 20 mil em uma viagem de navio pelo continente asiático, o aposentado Luciano Paes Cruz, de São Paulo, descobriu na véspera que não poderia embarcar. O motivo: a empresa de viagem não existia mais. Aos 85 anos, Luciano pretendia passar as festas de final de ano em outro país. Para isso, planejou antecipadamente a viagem e tomou todos os cuidados necessários. 

(Foto: Reprodução/ EPTV)

Depois de ver o anúncio do pacote em um jornal, ele foi a uma agência da empresa, em Campinas, para evitar problemas. A agência, então, revendeu o pacote anunciado por uma empresa de São Paulo para o aposentado.

Por conta dessa revenda, o aposentado não teve um prejuízo maior e pôde ser reembolsado - o prejuízo foi para a agência de Campinas, que percebeu que havia algo errado uma semana antes do embarque do cliente. "Eu não recebi o voucher. Liguei e desde então, eu não tenho mais contato. Mandei diversos emails e não tenho resposta. Os telefones estão desligados e o site está fora do ar", contou a agente de viagens Camila Priess ao G1.

Na internet, o dono da agência de São Paulo respondeu que foi pego pela crise. "Fomos obrigados a encerrar nossas atividades", diz a nota.

Dono diz que crise fez empresa fechar (Foto: Reprodução/ EPTV)
Em nota, dono de empresa de viagens diz que foi obrigado a encerrar atividades por conta da crise
(Foto: Reprodução/ EPTV)

***

O CORREIO entende a preocupação diante da pandemia do novo coronavírus e que a necessidade de informação profissional nesse momento é vital para ajudar a população. Por isso, desde o dia 16 de março, decidimos abrir o conteúdo das reportagens relacionadas à pandemia também para não assinantes. O CORREIO está fazendo um serviço de excelência para te manter a par de todos os últimos acontecimentos com notícias bem apuradas da Bahia, Brasil e Mundo. Colabore para que isso continue sendo feito da melhor forma possível. Assine o jornal.


Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/salvador-unida-das-janelas-moradores-cantam-parabens-para-salvador/
O CORREIO convidou e soteropolitanos confinados aderiram ao aniversário coletivo de 471 anos da capital
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/gusttavo-lima-quebra-recorde-do-youtube-com-live-direto-de-sua-casa/
Foram 5h de show, 750 mil acessos simultâneos e 10 milhões de visualizações
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/coronavirus-sindico-instala-pia-na-entrada-de-predio-para-ajudar-vizinhos-idosos/
Espanhol radicado na Bahia decidiu ajudar na higiene no prédio que é síndico em Salvador
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/a-fe-nao-costuma-faia-como-manter-a-religiao-em-isolamento/
O amparo na religiosidade é a salvação para muitos soteropolitanos; tecnologia é aliada
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/janelas-da-quarentena-do-dj-ao-saxofone-vizinhos-transformam-isolamento-em-uniao/
Baiano é outro nível... Nos últimos dias, movimento tomou conta de Salvador: tem até Carnaval dentro de casa; confira
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/pearl-jam-lanca-gigaton-decimo-primeiro-album-da-banda/
Turnê, que começaria em abril, foi adiada por conta da pandemia do coronavírus
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/cremeb-suspende-medico-que-prometeu-soro-da-imunidade-para-covid-19/
Aldo Grisi fez propaganda de suposta medicação para prevenir o novo coronavírus
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/pela-1a-vez-papa-faz-rito-sozinho-e-da-indulgencia-plenaria/
Gesto inédito, por causa da pandemia do novo coronavírus, permite que mais de 1,3 bilhão de católicos tenham o perdão de seus pecados
Ler Mais