Atacante da Holanda é investigado por tentativa de homicídio

esportes
10.03.2022, 20:00:00
Quincy Promes em campo pela seleção holandesa (Miguel Riopa/AFP)

Atacante da Holanda é investigado por tentativa de homicídio

Quincy Promes teria confessado que esfaqueou primo durante briga

O atacante Quincy Promes, da seleção da Holanda e do Spartak Moscou, está sendo investigado por tentativa de homicídio. Em uma conversa interceptada pela polícia, por meio de escutas telefônicas, ele teria admitido que esfaqueou um primo. O caso aconteceu em julho de 2020, durante uma briga em uma festa de família.

A emissora holandesa NOS divulgou a ligação. Segundo o jornal De Telegraaf, o grampo havia sido instalado por outro motivo: uma investigação por tráfico de drogas e participação em organização criminosa. Promes teria comprado uma carga de quatro toneladas de cocaína, que foi apreendida pela polícia da Antuérpia em abril de 2020.

De acordo com a imprensa local, o atacante confessa, em conversas com o pai, a mãe e uma tia, que poderia ter esfaqueado o primo até à morte. O jogador teria confrontado o homem com uma faca, acusando-o de roubar dinheiro de uma tia.

"Eu mato quem a roubar. Ponto final. Eu mato quem roubar a minha mãe. Há certas pessoas na família pelas quais eu mato. Ponto final. Ele tem sorte de eu não andar com uma arma de fogo, caso contrário teria sido mais feio", disse o atleta, na ligação grampeada.

Promes chegou a ser detido em dezembro de 2020, mas foi liberado depois de dois dias. A audiência do caso está marcada para o dia 31 de março, e o atacante pode pegar até quatro anos de prisão. Ele nega o crime.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas