Atletas do Atlético de Alagoinhas não se reapresentam por dívidas

esportes
25.08.2020, 15:26:00
Atualizado: 25.08.2020, 15:26:34
Reapresentação estava marcada para segunda-feira (24), mas não aconteceu (Foto: Reprodução/Instagram)

Atletas do Atlético de Alagoinhas não se reapresentam por dívidas

Clube confirma débitos referentes a direitos de imagem e metas

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

A reapresentação do elenco do Atlético de Alagoinhas, que estava marcada para a última segunda-feira (24), não aconteceu. Os jogadores decidiram não reiniciar a preparação para a disputa da Série D do Campeonato Brasileiro, por dívidas do clube. Eles cobram os valores referentes a direito de imagem e metas por premiações que foram alcançadas - vaga para Copa do Brasil e fase prévia da Copa do Nordeste.

Em nota, o Atlético de Alagoinhas confirmou a existência de débitos. "A direção reafirma aqui o seu compromisso e sua incessante busca por novos patrocinadores e parceiros para que possamos sanar toda e qualquer dívida", afirma o comunicado, assinado pelo presidente do clube, Albino Leite.

Ainda de acordo com o Carcará, valores como salários de CLT, premiações por vitórias e classificação para as finais do Campeonato Baiano foram quitados.

"Esperamos solucionar o quanto antes, para que possamos iniciar nossa caminhada buscando o acesso a Série C e a vaga na fase de grupos da Copa do Nordeste sem nenhuma pendência", diz a nota.

Em contato com o CORREIO, Albino Leite explicou que nem todos os jogadores se recusaram a se reapresentar pelos débitos. "Alguns queriam vir, mas não tinham transporte. A gente está mandando trazer esses jogadores", comentou. Alguns atletas, segundo Albino, se reapresentarão nesta terça-feira (25), pela tarde.

A estreia do Atlético de Alagoinhas na Série D está prevista para o dia 19 de setembro, contra o Gama, equipe do Distrito Federal. O Carcará está no Grupo A6, que também tem como integrantes definidos o conterrâneo Bahia de Feira, os mineiros Caldense, Tupynambás e Villa Nova e o tocantinense Palmas. A última vaga virá da fase preliminar e será o time vencedor entre Brasiliense-DF e Tocantinópolis-TO, com jogos marcados para os dias 6 e 13 de setembro.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas