Atualmente, Bahia tem a maior série invicta do Brasileirão

e.c. bahia
10.08.2018, 05:08:00
Atualizado: 10.08.2018, 15:32:44
Zé Rafael tem sido peça importante na evolução tricolor (Felipe Oliveira / EC Bahia )

Atualmente, Bahia tem a maior série invicta do Brasileirão

Tricolor está há seis jogos sem perder na competição

Enderson Moreira estreou no comando do Bahia no dia 21 de junho e de cara conseguiu vencer o Ceará, fora de casa, por 1x0, pela semifinal da Copa do Nordeste. O início, que parecia promissor, se mostrou complicado a partir dali. O treinador teve que esperar cinco partidas até comemorar o segundo triunfo, mas que veio em grande estilo, com a goleada sobre o Vitória por 4x1, na Fonte Nova. 

A sequência, antes negativa, se inverteu. Desde o empate por 1x1 com a Chapecoense, em 19 de julho, o tricolor está invicto. Neste período foram duas vitórias e cinco empates em compromissos pela Copa do Brasil, Série A e Sul-Americana. 

No Brasileirão, inclusive, o tricolor tem atualmente a maior série de invencibilidade, que já dura seis partidas, com dois triunfos (1x0 sobre o Corinthians e 4x1 no Vitória) e quatro empates (3x3 com o Botafogo, 1x1 com Chapecoense e Fluminense e 2x2 com o Atlético Mineiro).

Em toda a Série A, a maior sequência invicta até então foi do Internacional, que não sofreu nenhuma derrota entre a quinta e a 14ª rodadas, somando 22 pontos dos 30 possíveis nestes dez jogos.  O São Paulo foi o último time a ser derrotado na Série A. A equipe de Aguirre só perdeu a primeira partida na nona rodada, após quatro triunfos e quatro empates. 

Entre a sexta e a 12ª rodadas, o Flamengo também ficou invicto com cinco vitórias e dois empates e, assim como o Bahia, o Palmeiras conseguiu seis jogos de invencibilidade entre a nona e a 14ª rodadas. 

Pode melhorar 
Caso não perca para o América-MG sábado (11), às 19h, na Fonte Nova, o tricolor completará oito jogos invicto e sete pela Série A, o que superaria a sua melhor sequência no ano passado, que foi de seis partidas. Começou no Ba-Vi de 22 de outubro, pela 30ª rodada, quando o Bahia venceu por 2x1, e durou até a 35ª rodada, com o triunfo por 3x1 sobre o Santos. Neste período, foram quatro vitórias e dois empates e a equipe era  comandada por Paulo Cézar Carpegiani. 

A última grande série invicta do clube foi no início deste ano, logo após as derrotas nos dois primeiros jogos para Botafogo da Paraíba e Bahia de Feira nas estreias da Copa do Nordeste e do Baiano, respectivamente. Foram dez jogos sem perder, sendo oito triunfos e dois empates.

Sob o comando de Enderson Moreira, foram 12 partidas ao todo, com três triunfos, sete empates e duas derrotas, sendo uma pela Copa do Nordeste no primeiro jogo da final, por 1x0, diante do Sampaio Corrêa, e outra contra o Vasco, no jogo de volta das oitavas de final da Copa do Brasil, por 2x0, quando mesmo assim o Bahia se classificou por ter vencido na Fonte Nova por 3x0. Na Série A, Enderson tem uma vitória e três empates até então.