Julho é o segundo mês do ano com menor número de pacientes com covid-19 na BA

coronavírus
22.07.2021, 14:00:00
Atualizado: 22.07.2021, 16:14:11

Julho é o segundo mês do ano com menor número de pacientes com covid-19 na BA

São 9 mil casos ativos; em janeiro, eram 5 mil, e em março, 22 mil doentes

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

A queda nos números da pandemia fez o mês de julho se tonar o segundo menor em número de pessoas infectadas com o novo coronavírus na Bahia. A novidade foi apresentada pelo governador Rui Costa durante a entrega de 43 ônibus escolares no Centro Administrativo da Bahia (CAB), em Salvador, nesta quinta-feira (22).

“Felizmente, nós comemoramos essa semana o segundo menor número de contaminados desde o início do ano. O menor número foi no mês de janeiro, cerca de 5 mil casos ativos, e agora alcançamos o segundo menor número. Depois de janeiro, os números dispararam e chegaram a 22 mil no mês de março, e agora, estávamos com 8,8 mil casos na terça-feira [são 9 mil, nesta quinta] e esperamos continuar caindo”, afirmou.

A taxa de ocupação dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva está em 56% no estado, e a de leitos clínicos em 39%. O governador disse que o resultado é um alívio, mas frisou que a pandemia ainda não acabou. Ele disse que pode flexibilizar restrições, mas que precisa contar com a ajuda da população para evitar que a quantidade de casos volte a subir.

“O número de internados também está caindo, a taxa de ocupação está em queda, mas como algumas cidades realizaram o fechamento de leitos, ela não cai na mesma velocidade. O número de pessoas internadas também está diminuindo. Isso vai dando condições sanitárias de saúde para a gente ir lentamente fazendo o processo de abertura”, afirmou.

O governador contou que está monitorando os dados e que se ocorrer aumento de casos ou risco de colapso pode adotar novas medidas. “A prioridade é a vida”, disse.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas
  • Assinaturas: 71 3480-9140
  • Anuncie: 71 3203-1812
  • Ache Aqui Classificados: 71 3480-9130
  • Redação: 71 3203-1048