Benzema faz 3 gols e Real vence o Chelsea na Liga dos Campeões

esportes
06.04.2022, 18:24:00
Benzema comemora com Vinicius Júnior durante a vitória do Real sobre o Chelsea (Foto: Divulgação/ Real Madrid )

Benzema faz 3 gols e Real vence o Chelsea na Liga dos Campeões

Time espanhol colocou um pé na semifinal

A fase avassaladora vivida por Benzema ajudou o Real Madrid a construir um ótimo cenário para a decisão de uma das vagas nas semifinais da Liga dos Campeões. O francês marcou três vezes nesta quarta-feira e garantiu uma vitória por 3 a 1 sobre o campeão mundial Chelsea, no Stamford Bridge, em jogo válido pela rodada de ida das quartas de final.

A classificação será definida na próxima terça-feira, no Santiago Bernabéu, e o time merengue avança mesmo se perder por um gol de diferença. O Chelsea, por sua vez, precisa de vantagem de dois gols para levar para prorrogação ou de três para se classificar direto. Caso Benzema mantenha o ritmo das últimas partidas, a situação pode ficar complicada para a equipe londrina.

O francês marcou dois gols ou mais nos últimos quatro jogos que disputou, inclusive na vitória por 3 a 1 sobre o PSG, na fase anterior do torneio europeu, ocasião em que anotou outro "hat-trick". Além disso, ele tem 13 gols nos últimos seis jogos. Na temporada, são 37 bolas na rede em 36 duelos disputados.

O início da partida foi de boa movimentação, com cada time criando uma oportunidade antes de o cronômetro marcar dez minutos, ambos em lances de contra-ataque. Havertz teve boa oportunidade para o Chelsea, quando tirou Alaba da jogada e chutou por cima do gol, e Vinícius Júnior quase abriu o placar para o Real Madrid ao acertar uma bola no travessão.

O equilíbrio anunciado pelas primeira jogadas, contudo, não se cumpriu, pois Benzema fez questão de desequilibrar o jogo com dois gols marcados em três minutos. O primeiro saiu aos 20, depois que o francês tabelou com Vini Jr., invadiu a área e acertou no ângulo de Mendy. Pouco depois, aos 23, recebeu cruzamento de Modric e cabeceou no contrapé do senegalês.

O Chelsea tentou se organizar para diminuir o prejuízo, mas esbarrou em uma linha defensiva bem montada pelo técnico Carlo Ancelotti. Na reta final antes do intervalo, os espaços começaram a aparecer, e a equipe londrina aproveitou para marcar aos 39 minutos, com um cabeceio de Havertz após cruzamento de Jorginho.

A esperança inglesa alimentada no fim da etapa inicial foi dilacerada antes do primeiro minuto do segundo tempo. A bola rolava há apenas 46 segundos quando cruzou pela terceira vez a linha do gol de Mendy, em mais uma finalização de Benzema. Dessa vez, o goleiro saiu da área e tocou curto para Rüdiger. O francês chegou na bola a tempo e fez o gol.

A vantagem reconstruída e o bom posicionamento defensivo do Real Madrid complicaram muito a vida do Chelsea, que não encontrou a estratégia ideal para ameaçar o adversário. No fim das contas, teve pouca chances de reagir e saiu de campo frustrado pela atuação sólida dos merengues.


***

Em tempos de desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informações nas quais você pode confiar. E para isso precisamos de uma equipe de colaboradores e jornalistas apurando os fatos e se dedicando a entregar conteúdo de qualidade e feito na Bahia. Já pensou que você além de se manter informado com conteúdo confiável, ainda pode apoiar o que é produzido pelo jornalismo profissional baiano? E melhor, custa muito pouco. Assine o jornal.


Relacionadas