Bolsonaro critica Colômbia por descriminalização do aborto

brasil
22.02.2022, 19:22:00
(AFP)

Bolsonaro critica Colômbia por descriminalização do aborto

O presidente disse que está rezando pelas crianças colombianas que terão as vidas “ceifadas”

O presidente Jair Bolsonaro (PL) criticou nesta terça-feira (22) a decisão da Corte Constitucional da Colômbia, favorável a descriminalização da interrupção da gravidez até a 24ª semana de gestação.

Através de redes sociais, o chefe do Executivo disse que está rezando pelas crianças colombianas que terão as vidas “ceifadas” pela ausência do Estado.

“Que Deus olhe pelas vidas inocentes das crianças colombianas, agora sujeitas a serem ceifadas com anuência do Estado no ventre de suas mães até o 6° mês de gestação, sem a menor chance de defesa. No que depender de mim, lutarei até o fim para proteger a vida de nossas crianças!”, escreveu o presidente.

A decisão torna a Colômbia o 6º país a descriminalizar o aborto na América Latina. Até determinado estágio, a interrupção da gravidez também é legalizada na Argentina (até a 14ª semana), Cuba (10ª semana), Guiana e Uruguai (ambos até a 12ª semana). No México, é permitido o aborto durante toda a gestação.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas