Brasil recebe mais 942 mil doses da vacina da Janssen doadas pelos EUA

coronavírus
26.06.2021, 08:59:00
Atualizado: 26.06.2021, 09:00:31
(Divulgação/Ministério da Saúde)

Brasil recebe mais 942 mil doses da vacina da Janssen doadas pelos EUA

Governo americano doou 3 milhões de doses ao país

O Brasil recebeu na manhã deste sábado (26) um lote com 942 mil doses de vacina da Janssen contra a covid-19. Os imunizantes foram doados diretamente pelos EUA, completando envio de 3 milhões de vacinas pelo governo americano. A aeronave chegou às 6h29 no Aeroporto de Viracopos, em Campinas (SP).

A doação foi dividida em dois lotes por questão de logística, segundo o Ministério da Saúde. Na sexta, foram enviadas 2,05 milhões e o restante ficou para hoje.

Ontem, o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, e o embaixados dos EUA no Brasil, Todd Chapman, acompanharam a chegada das vacinas da Janssen, em meio a outras autoridades. O governo federal vai distribuir os imunizantes para os estados.

A vacina da Janssen é aplicada em dose única, ao contrário das demais em uso no país. Ela pode ser armazenada por pelo menos 3 meses em temperaturas de geladeiras normais. O imunizante teve uso emergencial aprovado no Brasil pela Anvisa em março desse ano.

A doação de 3 milhões de doses ao Brasil foi a maior que o governo dos EUA fez até agora para qualquer país. O principal assessor do presidente Joe Biden para a América Latina, Juan Gonzales, diz que a doação reflete a ideia do governo de combater a covid nas regiões mais afetadas.

Além da doação, o Brasil também recebeu 300 mil imunizantes da Janssen na quinta e 1,5 milhão na terça, compradas pelo governo brasileiro. O acordo prevê entrega de 38 milhões de doses no total. A vacina já está sendo aplicada desde ontem em várias cidades brasileiras, inclusive Salvador.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas