Canal gamer acusado de promover racismo é suspenso pelo Youtube

em alta
05.06.2020, 14:35:00
Atualizado: 05.06.2020, 14:39:25

Canal gamer acusado de promover racismo é suspenso pelo Youtube

Mil Grau também foi banido do Twitch e desautorizado pela Microsoft a usar nome Xbox

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.


(Foto: Reprodução)

O Youtube anunciou nesta sexta-feira (5) que suspendeu o canal conhecido como Xbox Mil Grau por violação dos termos e políticas do site após divulgação de imagens com falas racistas e transfóbicas. Os vídeos foram removidos da página, que está permanentemente suspensa do programa de parcerias. O próprio responsável pela página chegou a divulgar um extrato em que mostrava faturamento de até R$ 12 mil por mês com o canal de Youtube. 

Na terça, (2), o canal de games foi obrigado a mudar nome pela Microsoft, para não fazer mais referência ao console Xbox, da empresa. Com mais de 170 mil seguidores, a página mudou para XMG e tirou a referência nas imagens. Também nessa semana, o canal foi retirado da plataforma Twitch, especializada em transmissão de jogos.

"O conteúdo da conta Mil Grau não reflete nossos valores fundamentais de respeito, diversidade e inclusão", escreveu a Xbox Brasil em seu perfil no Twitter. "Nós já exigimos a remoção imediata da nossa marca dos seus canais, por meio das empresas de redes sociais", escreveu no Twitter a conta do Xbox no Brasil.

Uma campanha contra o Mil Grau começou depois que um dos membros do canal escreveu no sábado (30) uma comparação entre manifestantes antiracistas dos EUA e astronautas brancos. Henrique Martins usa on-line o nome XCapim360.

Uma imagem aparece uma foto dos manifestantes diante de um carro em chamas com a frase "O que os negros estão fazendo hoje", em inglês; ao lado, outra foto com dois astronautas brancos com a frase "O que os brancos estão fazendo hoje".

(Foto: Reprodução)

Internautas passaram então a republicar imagens de transmissões antigas que Martins fala "É cultura negra essa? Então é bem bosta mesmo". Outro participante fala que os negros "têm que voltar para a senzala. Nunca deveria ter deixado de ser escravo. Se é para ser isso daí a cultura dos caras".

O canal alega, em seu perfil do Twitter, que os atos de racismo não partiram dos administradores da página. "Um dos streamers XMG que trabalha no twitch, @xcapim360 repostou no twitter um meme em seu perfil pessoal que estava sendo compartilhado fora do país, no intuito de apenas polemizar", diz nota divulgada por eles. "Além disso, clips editados e fora de contexto foram jogados na internet unicamente para prejudicá-lo e prejudicar o canal", alega.

A campanha para que o Youtube removesse o Mil Grau chegou a atingir pessoas fora do Brasil e até o ator Mark Hamill, o Luke Skywalker de Star Wars, comentou. "Denunciei isso", escreveu ele, ao ser marcado em um vídeo com falas do canal legendado em inglês.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/moda-comunica-mais-que-tendencias/
Representatividade  é o tema desse editorial fotografado e protagonizado por jovens negros
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/e-sofrencia-musicas-de-arrocha-foram-as-mais-ouvidas-pelos-baianos-na-quarentena/
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/bisneta-de-mae-senhora-inspira-baiana-azul-de-amaralina-conheca-cida-de-nana/
Bel Borba a contratou como modelo para monumento às baianas sem saber de ascendência, que inclui Mestre Didi e uma das fundadoras da 1ª casa de candomblé
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/devo-ou-nao-devo-usar-mascara-na-atividade-fisica-eis-a-polemica-precos-chegam-a-r-120/
Tire suas dúvidas e confira 10 máscaras esportivas disponíveis no mercado
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/bau-do-marrom-o-dia-que-daniela-mercury-superou-britney-spears-em-portugal/
Durante a apresentação de Daniela Mercury no Rock in Rio Lisboa em 2004 falei até na TV portuguesa sobre Daniela
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/em-quarentena-anitta-lanca-clipe-para-tocame-com-gui-araujo-assista/
Vídeo traz fãs dançando em casa; é a primeira vez que funkeira contracena com namorado
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/secretario-do-ministerio-da-saude-destrata-garcom-em-transmissao-ao-vivo-sai-dai/
Élcio Franco falava em medidas de segurança para reabertura da economia quando se incomodou com presença de servidor
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/policia-acredita-que-naya-rivera-se-afogou-e-busca-agora-e-por-corpo/
Imagens de câmera de segurança mostram ela saindo no barco com filho
Ler Mais