Carlinhos Brown dedica grande parte da sua vida aos projetos sociais

entretenimento
14.08.2019, 06:00:00
Cantor faz visita ao Instituto dos Cegos da Bahia, onde é embaixador desde 2017 (Arisson Marinho/CORREIO)

Carlinhos Brown dedica grande parte da sua vida aos projetos sociais

Terceira matéria da série que comemora os 40 anos de carreira de do cantor

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Marcado pela personalidade extrovertida, pelo estilo e pela musicalidade, Carlinhos Brown representa muito o imaginário da axé Music que se espalhou pelo Brasil e pelo mundo. 

Mas,  mais que um cantor compositor e instrumentista, Brown  assumiu um papel importante ao longo dos seus 40 anos de carreira, até para as pessoas que não conhece. Desde que se tornou conhecido, passou a desenvolver ou apoiar uma série de  projetos sociais.

A experiência de desenvolver um trabalho beneficente surge justamente no lugar que Brown nasceu, no bairro do Candeal. Sua formação está diretamente ligada à comunidade em que cresceu. Segundo Brown, desde o início do sucesso pensava em  como acabar com a linha da pobreza através da arte e da música. “Imaginei como eu poderia replicar, como uma forma de devolução e gratidão por aquele lugar”, disse o cantor. 

Selma Calabrich, diretora executiva da associação Pracatum, conta que esse movimento começou com o projeto chamado  Vai Quem Vem, que visava criar novas formas de música, novos instrumentos e novas formas de  tocar. “A Timbalada também surgiu através dessa iniciativa de educação musical”, lembra Selma. Hoje em dia, a Pracatum impacta a vida de mais de 12 mil moradores do Candeal, com ações que se estendem desde as aulas de música e inglês, até a construção e reforma de moradias no bairro.

Brown faz visita nas instituições da Caravana do Amor, que chega para sua segunda edição (Foto: Divulgação)

 

Comemorações

O show de Carlinhos no próximo dia 21 de agosto, na Pupileira,  é mais um momento para ser lembrado entre os tantos que atuou em prol dos projetos sociais. Toda a renda da apresentação em parceria com o CORREIO será revertida para o Instituto dos Cegos da Bahia (ICB), que há mais de 80 anos auxilia pessoas de todas as idades a conviver com a cegueira. Os ingressos estão à venda no Sympla. 

Segundo Heliana Diniz, presidente da casa, a vinculação do ICB com Brown rendeu frutos extremamente positivos: “Os números de atendimento subiram muito desde que ele começou a nos apoiar. As pessoas passam a conhecer melhor, o que é muito bom para a sociedade”.

Outro projeto  que comemora mais uma edição em 2019 é o Caravana do Amor, iniciativa mais recente entre todas que Carlinhos apoia. A Caravana visita diversas instituições de caridade na cidade e fornece doações para os centros, de acordo com sua necessidade.

Os personagens da série infantil Paxuá, Paramim e Brauna (Foto: Divulgação)

O cantor acompanha todo o trajeto, que acontece no mês de outubro, na semana do Dia das Crianças, e se torna um verdadeiro personagem naquele momento: “É muito bom ver as crianças, que querem estar ali com ele, abraçar ele”, explica Milla Franco, que auxilia na coordenação do projeto. 

Mas Brown, de fato, virou um personagem. A aproximação educacional com o público infantil também surgiu com a criação do desenho da dupla Paxuá e Paramim, inspirado no cantor (que no desenho vira Brauna). O programa, que tem saraus ao vivo e uma série animada, debate e reforça questões relacionadas ao meio ambiente e sua preservação.  


*com orientação da editora Ana Cristina Pereira

O projeto Correio 40 Anos tem oferecimento do Bradesco, patrocínio do Hapvida e Sotero Ambiental, apoio institucional Prefeitura de Salvador, e apoio de Vinci Airports, Sesi, Salvador Shopping, Unijorge, Claro, Itaipava Arena Fonte Nova, Sebrae e Santa Casa da Bahia.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas