Carol Solberg é denunciada pelo STJD por grito 'Fora, Bolsonaro'

esportes
28.09.2020, 19:42:00
Atualizado: 28.09.2020, 19:42:40
A dupla formada por Talita e Carol Solberg conquistou o bronze em Saquarema (Foto: Wander Roberto/Inovafoto/CBV)

Carol Solberg é denunciada pelo STJD por grito 'Fora, Bolsonaro'

Jogadora de vôlei de praia deve responder processo com base nos artigos 191 e 258 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

A procuradoria do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) denunciou a jogadora de vôlei de praia Carol Solberg por causa da manifestação política contra o presidente Jair Bolsonaro. O caso aconteceu no último dia 20, quando a atleta gritou "Fora Bolsonaro" em entrevista ao vivo ao canal SporTV, após ganhar a medalha de bronze do Circuito Nacional, em Saquarema, no Rio de Janeiro.

Carol foi denunciada com base em dois artigos do do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD): 191 - "deixar de cumprir, ou dificultar o cumprimento de regulamento, geral ou especial, de competição" -  e 258 - "assumir qualquer conduta contrária à disciplina ou à ética desportiva não tipificada pelas demais regras deste Código à atitude antidesportiva".

No caso do artigo 191, Carol pode receber multa entre R$ 100,00 e R$ 100 mil ou ser apenas advertida. Pelo segundo, ela pode ser vetada de competir de uma a seis partidas, assim como ser suspensa de 15 a 180 dias. O segundo artigo também prevê substituição de pena por advertência. O julgamento deve acontecer na próxima semana, virtualmente.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas