Casamento às Cegas teve outros cinco casais que não foram exibidos

variedades
16.10.2021, 10:38:00
Atualizado: 16.10.2021, 10:40:11
Os dez participantes que estão na fase final (Reprodução)

Casamento às Cegas teve outros cinco casais que não foram exibidos

Alguns reclamaram em redes sociais, mas há multa de R$ 100 mil

O reality "Casamento às Cegas Brasil" se tornou um dos temas mais comentados nas redes sociais desde que foi lançado pela Netflix, no último dia 6. Os episódios finais saem na próxima quarta (20). Segundo reportagem do Uol, além dos casais que o público acompanha, outro cinco casais se formaram durante o reality, mas não foram escolhidos para serem acompanhados pelo programa.

Esses casais se apaixonaram, tiveram o pedido de casamento e gravaram o encontro, mas nada disso foi exibido e eles não foram para a fase da "lua de mel" do reality. Segundo a reportagem, se trata de uma escolha editorial da produção, que opta pelos casais que acredita que vão interessar mais ao público.

Os casais não tiveram as histórias exibidas são Anna Arraes e Bruno Brych, Pamella Sousa e Gustavo Mester, Ana Gaudêncio e Alexis Martinho, Aline Moraes e Diego Pasquini, e Priscila Pitman e Victor Varella. 

Já os que seguiram foram Rodrigo Vaisemberg e Dayanne Feitoza, Nanda Terra e Thiago Rocha, Carol Macedo e Hudson Mendes, Ana Prado e Shayan, e Luana Braga e Lissio Fiod. Nos episódios de quarta, o público vai conhecer o desfecho deles.

O contrato do reality prevê a possibilidade de as histórias não serem contadas. Os critérios exatos não são explicados aos participantes. "Não sabemos o porquê da nossa história, assim como muitas outras, não serem mostradas", escreveu Aline Moraes, em foto postada ao lado de Diego Pasquini.

Outro participante, Alexis Martinho, respondeu a um questionamento de fãs do programa sobre porque ele não apareceu na edição.  "Está aí uma pergunta que eu também gostaria de resposta. Vocês iriam amar a nossa história", diz.

A reportagem diz ainda que as manifestações nas redes sociais não caíram bem com a produção do reality. Os participantes assinam um termo de confidencialidade com multa de R$ 100 mil em caso de descumprimento.

Os participantes receberam cachês por cada "fase" do programa - a cabine e depois a "lua de mel", que contou com apenas 10 dos selecionados.

A Netlix não comentou os bastidores divulgados. 


 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas