Celebração marca os 35 anos da TV Bahia

entretenimento
10.03.2020, 18:50:00
(Marina Silva/CORREIO)

Celebração marca os 35 anos da TV Bahia

Festa teve bolo e depoimentos de funcionários da emissora

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Imagine o ano de 1985. Na música, surge o Axé Music. Na política, Tancredo Neves vence a eleição para presidente do Brasil, mas morre antes de assumir o cargo. No esporte, Ayrton Sena vence sua primeira corrida na Formula 1. No Japão, o game Super Mario Bros surge para o mundo. E, na Bahia, 1985 é o ano do nascimento da emissora que leva o nome do estado. 

A TV Bahia comemora hoje (10) seus 35 anos de história. E a festa foi junto com os colaboradores de todas as nove empresas que fazem parte da Rede Bahia. A repórter Camila Marinho foi uma das que deram uma pausa nas suas atividades para comemorar.  

“Eu saí de Minas Gerais e vim parar aqui. Já tenho 15 anos de trabalho na TV Bahia. É empolgante ver a forma como a emissora leva informação, cultura e jornalismo há tantos lugares, alguns que a gente nem ouviu falar, mas que a TV está presente”, disse.  

A jornalista Camila Marinho participou da festa de 35 anos da TV Bahia (Foto: Marina Silva/CORREIO)

Para o presidente da Rede, Paulo Cesena, essa é uma das características que refletem a qualidade da emissora. “A nossa audiência é crescente. Estamos investindo nas afiliadas do interior, fomentando o jornalismo lá, e investindo em conteúdo de qualidade. Cada vez mais temos superado os desafios enfrentados”, disse.  

No evento, Paulo Cesena fez um discurso e apresentou um vídeo com entrevistas de colaboradores da Rede, alguns que trabalham na casa desde a fundação da TV Bahia. Um desses funcionários experientes é o analista financeiro Edmundo Oliveira, 54 anos. Aos 18, ele entrou na Rede como Office boy. 

Esse foi o primeiro e quase único emprego de Edmundo. “Eu cheguei a passar quatro meses numa construtora, mas logo a TV me chamou. Naquela época nem existia computador, era máquina de datilografia. A emissora cresceu muito nesse período e acompanhou a evolução tecnológica”, afirmou.  

O analista financeiro Edmundo Oliveira tem 35 anos de TV Bahia (Foto: Marina Silva/CORREIO)

Para completar as comemorações, durante todo o mês de março, a TV fará ações, dentro e fora das telinhas, para se aproximar do público. Produtos como o Rede Bahia na Praça, que visitará diversos bairros da cidade, e a estreia da Taça das Favelas, masculina e feminina, estão entre as atrações do mês de aniversário, que também celebrará mais um ano da cidade de Salvador.     

*Com orientação da editora Ana Cristina Pereira

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas