Cenas de Carnaval: Durval Lélys, o arteiro

salvador
29.01.2019, 05:00:00
(Roberto Abreu/Arquivo CORREIO)

Cenas de Carnaval: Durval Lélys, o arteiro

Fantasiado em nome do espírito do Carnaval

Durval Lélys, em bom baianês, é um arteiro. Olhar o arquivo de fotos do cantor no CORREIO provoca risadas e belas memórias com suas fantasias anuais. Em mente, vem a pergunta: qual era a música dessa fantasia? Vampiro, pirata, rei, gênio, pintor...

Mas também tem foto plantando bananeira, dançando com foliã, numa lança telescópia (máquina tipo elevador), entre outras. Um espetáculo à parte.

“O Carnaval em si remete à brincadeira. Sempre não é só a apresentação, meu espírito é carnavalesco. Não é só cantar, é passar um espírito do Carnaval para as pessoas que vêm para a Bahia em busca desse teatro aberto”, conta Durvalino, que enumera outros artistas, como Timbalada, Olodum e as cantoras que criam figurinos para a festa, como quem também mostram esse espírito.

A influência vem de longe e de perto. Seja com Luiz Caldas (“com aquele jeito meio índio”) ou mais além: “Uma inspiração grande foi Carmen Miranda, que representou o Brasil no mundo com esse espírito. Isso ficou marcado dentro de mim, assim com Evandro de Castro Lima e Clóvis Bornay, que suavam fantasias exóticas para representar o Brasil naqueles bailes”.

Aos 61 anos, Durval tem quase 40 carnavais no currículo, primeiro com a Banda Pinel, passando pelo enorme sucesso com o Asa de Águia até a fase solo, a partir de 2014. 

Pode parecer difícil imaginar que ele tem, na cabeça, um momento particular e inesquecível do Carnaval baiano, mas Durval surpreende e, na ponta da língua, sem titubear, revela.

“Nos 100 anos de Carnaval (1984). Eu tava com a Banda Pinel, num trio no Farol da Barra. Do outro lado da rua, no posto, estava do trio do Eva. E, no palco, Dodô & Osmar tocando. Aquele momento, com mais de 100 mil pessoas na rua, marcou minha vida. Me senti consolidado no Carnaval como artista”, conta. 

Cenas de Carnaval é um oferecimento do Bradesco, com patrocínio do Hapvida e apoio de Claro, Fieb, Salvador Shopping, Vinci Airports e Unijorge

(Márcio Costa e Silva/Arquivo CORREIO)
(Luiz Hermano/Arquivo CORREIO)
(Evandro Veiga/Arquivo CORREIO)
(Haroldo Abrantes/Arquivo CORREIO)
(Alessandro Macedo/Arquivo CORREIO)
(Sidney Haack/Arquivo CORREIO)
(Andréa Farias/Arquivo CORREIO)
(Paulo M. Azevedo/Arquivo CORREIO)

Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/black-alien-fala-sobre-novo-disco-estou-sendo-eu-mesmo/
Lançado em abril, Abaixo de Zero: Hello Hell é apresentado no Pelourinho neste sábado (21)
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/policia-procura-casal-que-roubou-r-400-mil-de-idosas-na-barra-veja-video/
Irmãs, vítimas têm 89 e 93 anos; homem e mulher entraram disfarçados em prédio
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/baiana-de-21-anos-e-a-primeira-brasileira-a-vencer-premio-da-onu-sobre-meio-ambiente/
Anna Luísa criou o Aqualuz, dispositivo que torna água potável através de raios solares
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/indicado-pelo-brasil-a-corrida-do-oscar-a-vida-invisivel-ganha-trailer-confira/
Dirigido pelo cineasta Karin Aïnouz, o filme estreia nacionalmente em 31 de outubro  
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/ele-ameacava-minha-esposa-todos-os-dias-diz-marido-de-baleira-morta-pelo-irmao/
Baleira foi morta a tesouradas pelo irmão na última terça-feira (17)
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/policia-investiga-se-morte-de-empresaria-no-ce-foi-suicidio-ou-assassinato/
Ela discutia com o namorado no momento do disparo, que a atingiu no peito
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/rambo-ate-o-fim-e-o-adeus-do-personagem-de-stallone/
Quinto filme marca a despedida do soldado que chegou às telas em 1982
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/lembra-do-acustico-mtv-projeto-esta-de-volta-com-tiago-iorc/
Musical com o cantor e compositor será exibido nesta quinta (19) na emissora
Ler Mais