Cinco álbuns para matar saudade da axé music 

entretenimento
17.05.2020, 06:00:00
Pierre Onassis comanda o Afrodisíaco em live neste domingo (17) (Divulgação)

Cinco álbuns para matar saudade da axé music 

Meu Domingo: Pierre Onassis, que faz live neste domingo (17) é o convidado da semana

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Neste domingo , às 15h, a banda Afrodisíaco faz uma nova live solidária, no YouTube e  Instagram oficial do grupo (@afrodisiacooficial), com ação para ajudar os músicos que estão impossibilitados de trabalhar neste período. Diretamente de sua varanda, o cantor e compositor Pierre Osassis comanda a apresentação, na qual vai mostrar, além de sucessos de várias fases da carreira, a  nova Amor Elefante, canção símbolo da ação.  E também, adianta, vai “cantar sucessos da música baiana,  matar a saudade de canções que marcaram e fizeram nossos corações baterem mais forte, com  um retrospecto”.

Nessa vibe retrô, o artista indica cinco álbuns que marcaram sua trajetória e a de muita gente, que servem de aquecimento para a live . Os álbuns escolhidos por ele são: Reflexu's da Mãe Áfricam da Banda Reflexu's (1987), Movimento Olodum, do Olodum (1993), Canto de Rua, de Daniela Mercury (1994), Cada Cabeça é um Mundo, da Timbalada (1994) e Afrodisíaco, da banda Afrodisíaco (2006).  “Esses cinco álbuns representam, cada um no seu tempo, na minha opinião, inovação, ousadia e um forte poder de influência no crescimento e notoriedade da música baiana e suas vertentes para o mundo”, destaca Pierre. Com esta seleção, com certeza o domingão vai ficar  mais animado.


reflexus

 

olodum

 

 

daniela

 

 

timbalada

 

 

afro

 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas