Coletânea reúne três textos teatrais sobre negritude

entretenimento
22.09.2020, 06:00:00
Aldri Anunciação lança livro em live nesta terça (22)

Coletânea reúne três textos teatrais sobre negritude

Namíbia, Não!, Campo de Batalha e Embarque Imediato são assinados por Aldri Anunciação; livro será lançado em live nesta terça (22)

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Assinados por Aldri Anunciação, os textos teatrais Namíbia, Não!, Campo de Batalha e Embarque Imediato foram reunidos no livro na Trilogia do Confinamento, que será lançado em uma live nesta terça-feira (22), às 19h, no canal no YouTube da Editora Perspectiva. 

Na live, Aldri recebe vários convidados para trocar ideias e ler trechos do livro. O encontro tem mediação da jornalista Luana Assiz, intervenção poética das slammers Mariana Félix e Patrícia Meira, e participação dos atores Antônio Pitanga e Sérgio Menezes, dos diretores teatrais Licko Turl, Jessé Souza, Fernanda Onisajé, Miguel Hurs e Eugênio Lima, da cineasta Sabrina Fidalgo, da jornalista Mira Silva e do escritor Tom Farias. No evento também haverá sorteio de exemplares.

Já levados aos palcos, os textos fazem uma reflexão sobre as questões do racismo, da negritude e da diáspora negra, com um texto profundo e contemporâneo, colocando em diálogo passado e presente do país. Primeiro a ser publicado, Nambía, Não! rendeu ao autor o Prêmio Jabuti em 2013. Na trama, dois primos então confinados em casa enquanto debatem uma discutível medida provisória do governo, que quer obrigar todos que tem a “melanina acentuada” a retornar para a África.      

A Trilogia tem prefácio de Leda Maria Martins e apresentações de Lázaro Ramos, Cleise Mendes, Dione Carlos e Luiz Marfuz.


FICHA

Livro: Trilogia do Confinamento 
Autor: Aldri Anunciação 
Editora:  Perspectiva/ Coleção Paralelos
Preço: R$ 49, 90 (248 pgs) 
 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas