Com 1,33m, Flávia Saraiva é a maior esperança da ginástica brasileira no feminino

esportes
26.12.2015, 12:42:00
Atualizado: 26.12.2015, 13:27:55

Com 1,33m, Flávia Saraiva é a maior esperança da ginástica brasileira no feminino

Atleta de apenas 32 kg e 16 anos estreou em competições adultas em 2015 e é uma das grandes apostas para os Jogos do Rio 2016
Foto: Ricardo Bufolin/CBG

Se no masculino as chances de medalha são boas com Arthur Zanetti, no feminino, elas são menores. Tanto em possibilidades quanto em tamanho. A grande aposta do Brasil possui apenas 1,33m: Flávia Saraiva.

A pequenina atleta de 16 anos e apenas 32 kg teve em 2015 seu primeiro ano competindo como adulta, após três medalhas (ouro no solo e prata no individual geral e trave de equilíbrio) na Olimpíada da Juventude de 2014, em Nanquim, na China. 

Se era uma promessa antes, a realidade bateu na porta na etapa da Copa do Mundo em São Paulo, em maio. Flavinha, ainda pouco conhecida pelo público, deu um show de simpatia e de técnica, sendo ovacionada no ginásio do Ibirapuera. Levou o ouro no solo e a prata na trave de equilíbrio. 

No Pan-Americano de Toronto, em julho, outros bons resultados e mais uma gama de fãs conquistados. Aplaudida efusivamente, ficou com o bronze no individual geral e ajudou a equipe feminina a levar a mesma medalha no geral. Até por isso, a estreia no Mundial, em Glasgow, em outubro, acabou ficando longe das expectativas criadas.

Flavinha tentou novas técnicas e acabou sentindo a pressão da estreia na segunda maior competição da ginástica artística. Errou muito mais que o de costume e ficou na 24ª posição na final do individual geral. A companheira Lorrane Oliveira terminou em 18º. 

Junto com Flavinha e Rebeca Andrade, que se recupera de uma cirurgia no joelho, o trio representa a nova geração da ginástica brasileira. São elas, ao lado de ‘veteranas’ como Daniele Hypólito e Jade Barbosa que vão precisar assegurar vaga para a equipe feminina em abril, no evento-teste para os Jogos, que vai servir como Pré-Olímpico. 

Além do Brasil, França, Bélgica, Alemanha, Romênia, Austrália, Coreia do Sul e Suíça brigarão pelas últimas quatro vagas no Rio-2016. A classificação do país leva automaticamente cinco ginastas para as disputas individuais. No individual geral, o Brasil tem uma vaga assegurada por ser país sede.


Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/el-camino-filme-de-breaking-bad-ja-esta-disponivel-na-netflix/
Produção acompanha o que aconteceu com Jesse Pinkman após o fim da série
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/roger-machado-e-contundente-sobre-racismo-precisamos-sair-da-fase-da-negacao/
Técnico do Bahia fala com firmeza de um problema pouco abordado no futebol brasileiro; assista
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/irma-dulce-nao-e-idolo-e-um-ideal-diz-padre-antonio-maria/
No Vaticano, ele cantou música que fez em homenagem à Santa Dulce dos Pobres
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/maior-dia-da-minha-vida-diz-musico-que-voltou-a-ver-apos-rezar-para-irma-dulce/
Ele participou de cerimônia da canonização e interagiu com o Papa Francisco
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/apos-10-horas-de-vigilia-fieis-comemoram-canonizacao-de-dulce-no-largo-de-roma/
Primeira miraculada, Cláudia Araújo chegou ao Santuário na noite deste sábado (12)
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/de-salvador-1a-miraculada-de-dulce-acompanha-canonizacao/
Cláudia Araújo está desde ontem às 18h em vigília no Santuário de Irmã Dulce
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/veja-tudo-o-que-aconteceu-na-canonizacao-de-irma-dulce/
CORREIO acompanhou do Vaticano e mostra bastidores da canonização na Itália e em Salvador
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/artistas-ensaiam-apresentacoes-para-canonizacao-de-irma-dulce-veja-video/
Margareth Menezes, Waldonys e José Maurício receberam as últimas orientações
Ler Mais