Com Bahia no páreo, prêmio elege maiores ondas surfadas no Brasil

esportes
04.04.2022, 17:20:00
Onda surfada por Heloy Junior no Banco de Santo Antônio (João @jsurf.imagens/Divulgação Prêmio Brasileiro Ocyan de Ondas Grandes)

Com Bahia no páreo, prêmio elege maiores ondas surfadas no Brasil

Onda surfada no Banco de Santo Antônio, na Barra, está entre os finalistas

Os finalistas da 4ª edição do Prêmio Brasileiro Ocyan de Ondas Grandes foram divulgados nesta segunda-feira (4). E há representante baiano no páreo: um paredão surfado em junho do ano passado, no Banco de Santo Antônio. O local fica situado em alto-mar, entre o Clube Espanhol e o Cristo, na Barra.

A competição de surfe elege as maiores e melhores ondas surfadas no litoral brasileiro. São distribuídos mais de R$ 50 mil para surfistas e os fotógrafos e cinegrafistas que registraram ondas em quatro modalidades: tow-in, bodyboard, kitesurf e bodysurf, no masculino e no feminino. Também é premiada a maior queda - ou vaca. 

Os vencedores serão anunciados durante a Cerimônia de Premiação do torneio, marcada para a próxima sexta-feira (8), no Hotel BE Loft Lounge, na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro.

A edição deste ano da premiação foi marcada por alguns recordes: o maior número de ondas inscritas (448) e a maior participação feminina (17 surfistas, com 75 ondas). Entre os inscritos, há alguns dos grandes nomes do surfe brasileiro, como Lucas Chumbo e Pedro Scooby, atualmente no BBB 22.

As ondas foram surfadas no Brasil entre o período de 01 de janeiro 2021 até 28 de março de 2022.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas