Com ouro de Ana Marcela, mulheres batem recorde em uma Olimpíada

esportes
03.08.2021, 23:22:00
Atualizado: 10.08.2021, 12:32:26
Ana Marcela Cunha comemora a medalha de ouro em Tóquio (Jonne Roriz/COB)

Com ouro de Ana Marcela, mulheres batem recorde em uma Olimpíada

Delegação feminina brasileira conquistou oito medalhas em Tóquio, superando a marca de Pequim-2008

Ao vencer a prova da maratona aquática de Tóquio-2020, Ana Marcela Cunha alcançou várias marcas históricas para o Brasil. A medalha representou o primeiro ouro olímpico da natação feminina brasileira e o primeiro do país na modalidade. Mas, mais que isso, ainda coroou um recorde para as mulheres: elas nunca haviam subido tantas vezes ao pódio em uma só edição dos Jogos.

Até aqui, já são oito medalhas conquistadas pela delegação feminina. Além do ouro de Ana Marcela, o Brasil tinha faturado outros dois ouros, além de duas pratas e dois bronzes (veja lista abaixo). E ainda há uma outra medalha garantida para a baiana Beatriz Ferreira, que está na semifinal do boxe.

O recorde em Tóquio, aliás, ainda pode aumentar - há possibilidades no vôlei feminino, por exemplo. 

Antes da Olimpíada do Japão, o maior número de medalhas conquistadas pelas mulheres brasileiras era sete, recorde de Pequim-2008. Naquele ano, foram dois ouros (com o vôlei feminino e Maurren Maggi), uma prata (futebol feminino) e quatro bronzes (Natália Falavigna, Isabel Swan/Fernanda Oliveira, Ketleyn Quadros e revezamento 4x100m do atletismo).

Medalhas das brasileiras em Tóquio-2020

Ouro
Rebeca Andrade (ginástica - salto)
Martine Grael/Kahena Kunze (vela - classe 49erFX)
Ana Marcela Cunha (maratona aquática)

Prata
Rebeca Andrade (ginástica - individual geral)
Rayssa Leal (skate street)

Bronze
Laura Pigossi/Luisa Stefani (tênis - duplas femininas)
Mayra Aguiar (judô - até 78kg)

*Beatriz Ferreira (até 60kg - boxe) - a baiana já está na semifinal e, desta forma, tem uma medalha garantida. Falta apenas definir qual será.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas