Começa a 1ª Festa Literária do Subúrbio

entretenimento
26.02.2021, 08:00:00

Começa a 1ª Festa Literária do Subúrbio

Primeiro dia de programação virtual tem Lázaro Ramos, Conceição Evaristo e Carla Akotirene

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

A literatura invade Salvador neste fim de semana com a 1ª Festa Literária do Subúrbio (Flisu), que acontece nesta sexta (26) e sábado (27), a partir das 10h, com transmissão pelo Facebook e YouTube do projeto. A iniciativa foi contemplada pelo Prêmio Anselmo Serrat de Linguagens Artísticas, da Fundação Gregório de Mattos (FGM), por meio da Lei de Emergência Cultural Aldir Blanc.

Toda a programação será on-line com autores, escritores, poetas, rappers e outros criadores literários que se reunirão com objetivo de revelar uma forma de fazer literatura que foge dos padrões preestabelecidos. Além disso, também vai ter roda de conversa, sarau, performance literária, lançamento de livros e apresentações musicais.

Nesta sexta, das 10h às 10h30, haverá Performance Literária com Eddy Veríssimo; das 10h30 às 12h, será a vez da Conferência de Abertura  com  Conceição Evaristo; e das  13h30 às 15h, tem roda de conversa com Leandro Vilas Verde e Sérgio Vaz. 

Das 15h30 às 17h30, ocorrerá uma roda de conversa com o tema Literatura e Identidades: por uma Estratégia de Libertação, com  Lázaro Ramos e  Carla Akotirene.  

 Entre as atrações do sábado  está a Roda de Conversa Literatura Insurgente e Lugares de Fala, performances literárias de Udi e Nini Kemba Nayo e Sarau da Flisu. 

A programação completa pode ser conferida na página @flisuoficial no Instagram.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas