Confira o balanço especial do Vitória no 1º turno da Série B

e.c. vitória
07.11.2020, 06:01:00
Vitória chegou a alcançar o G4, mas terminou o turno na 15ª posição (Foto: Pedro Vale/EC Vitória)

Confira o balanço especial do Vitória no 1º turno da Série B

Posição e distância para o G4 a cada rodada, número dos técnicos, autores dos gols... Tudo sobre a participação do Leão

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

O Vitória começa sua campanha pelo returno da Série B neste domingo (8). O foco é em fazer um campeonato de recuperação, após terminar a primeira metade do torneio de forma frustrante. O Leão começou bem, mas engatou uma sequência conturbada e está há oito jogos sem saber o que é ganhar.

O rubro-negro entra no segundo turno na 15ª colocação, com 21 pontos. Bem diferente das primeiras rodadas, quando parecia um forte concorrente a garantir o acesso à Série A. No gráfico abaixo, é possível ver a oscilação do Vitória na tabela, com as posições a cada jogo e as distâncias para o G4 e o Z4. 

O Vitória teve sua melhor posição ao fim da 3ª rodada, quando ocupava a 4ª colocação. Foi a única vez que ficou entre os quatro primeiros. Após fazer seu 11º duelo, quando ganhou do Oeste no Barradão, por 3x1, entrou no jejum de triunfos, que segue até agora. Entre as rodadas 14 e 15, veio a troca de técnicos: saiu Bruno Pivetti, entrou Eduardo Barroca.

Ao todo, Pivetti comandou o Leão em 14 jogos da Série B. Foram 4 triunfos, 6 empates e 4 derrotas, um aproveitamento de 43%. Barroca, por sua vez, ainda não conseguiu ganhar desde que chegou no clube. Esteve em cinco partidas, com 3 empates e 2 derrotas, rendimento de 20%. Veja um comparativo entre os técnicos:

FATOR CASA
Antes de engatar o jejum, o Vitória era um concorrente tão forte ao acesso que chegou a ter o melhor aproveitamento como mandante: 86,7%. Mas os resultados ruins foram se acumulando e o Leão terminou o turno inicial com 50%. Foram 15 pontos conquistados em 10 duelos no Barradão. Quem mais conseguiu somar pontos em casa foi o Cuiabá, com 80% de aproveitamento.

Quando o quesito é fora de Salvador, o desempenho do rubro-negro foi terrível. Não ganhou uma vez sequer e ficou com o segundo pior aproveitamento de um visitante: 22,2%. Só o Oeste teve um número mais baixo: 7,4%.

Veja esses e outros números nos gráficos abaixo:

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas