Conquista é destaque na redução do desperdício de água

agenda bahia
01.07.2018, 04:59:00
Atualizado: 04.07.2018, 22:20:02
Conquista reduziu perdas, mas já precisou abrir poços artesianos para abastecer condomínios (Foto: Blog do Anderson)

Conquista é destaque na redução do desperdício de água

Cidade é a única baiana entre as dez do Brasil com menores índices

Na Bahia, entre as cidades com mais de 100 mil habitantes, Vitória da Conquista, no Sudoeste, é a que mais se destaca no que se refere a redução de perdas de água durante a distribuição.

A cidade é a única do estado que está entre as dez do Brasil com índices mais baixos, segundo estudo do Instituto Trata Brasil divulgado no início do mês. O índice de perdas em Conquista é de 19,76% (6º lugar), próximo aos 15% que o estudo considera como ótimo.

Conquista está com esse índice, segundo a Embasa, devido à “força-tarefa” que realizou nos últimos anos para fazer com que a água chegasse com mais eficiência aos consumidores, já que o sistema de abastecimento estava passando por racionamento de água.

Os racionamentos ocorreram entre maio e outubro de 2012, março e novembro de 2013 e o mais longo deles, entre maio de 2016 a julho de 2017.

“Além de focar nos vazamentos, fizemos uma operação de combate à clandestinidade, como de sistemas de irrigação em plantações diversas. Com isso, conseguimos reduzir o índice de perdas, que antes era de 23%”, declarou o gerente da Embasa local Joselito Pires de Lima.

No país, segundo o estudo do Trata Brasil, a cidade que tem menos perdas de água é Palmas (índice de 13,05%), e a que mais desperdiça é Porto Velho, com 70,88%.