Contra o Ceará, Gilberto tenta encerrar um mês de seca pelo Bahia

e.c. bahia
20.10.2019, 16:59:07
Atualizado: 20.10.2019, 17:37:57
O último gol de Gilberto foi no dia 21 de setembro (Felipe Oliveira / EC Bahia)

Contra o Ceará, Gilberto tenta encerrar um mês de seca pelo Bahia

Camisa 9 é o artilheiro do tricolor na temporada, com 26 gols

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

O artilheiro disparado do Bahia na temporada 2019 está na seca há um mês. A última vez em que Gilberto marcou um gol foi sobre o Corinthians, no dia 21 de setembro, pela 20ª rodada. O duelo foi no Itaquerão e o tricolor perdeu por 2x1.

O camisa 9, portanto, entrará em Pituaçu na noite desta segunda-feira (21) pressionado. O Esquadrão precisa mais do que nunca dele para vencer o Ceará, pela 27ª rodada, e voltar à zona de classificação para a Copa Libertadores.

São cinco jogos de Gilberto sem balançar as redes. Na prática, o Bahia não conta os gols do seu artilheiro há seis rodadas da Sèrie A - já que ele foi poupado diante do Sâo Paulo, na Fonte Nova, no dia 4 de outubro, partida que acabou em 0x0.

Não é o primeiro jejum do centroavante na temporada. Na verdade, ele já ficou mais tempo sem marcar por duas vezes.

Entre o jogo de volta da 4ª fase da Copa do Brasil - 2x1 para o Londrina fora de casa - e a 5ª rodada da Série A - 0x0 com o São Paulo no Morumbi - o camisa 9 chegou a ficar seis jogos na seca.

O mesmo aconteceu entre o jogo da volta da semifinal do Baianão - 2x0 sobre o Atlético em Alagoinhas - e o jogo de ida da 4ª fase da Copa do Brasil - 4x0 sobre o Londrina na Fonte Nova. Seis gols sem balançar as redes.

No último duelo, quando o Bahia venceu o Grêmio por 1x0 fora de casa, o gol escapou por pouco. Cobrador oficial de pênaltis do tricolor, Gilberto foi substituído por Arthur Caíke na etapa final. Pouco depois, Marco Antônio sofreu o pênalti decisivo.

Será que o camisa 9 completará novamente seis jogos sem marcar? A torcida espera que não. O fato é que ele tem larga vantagem na artilharia do Bahia na temporada. São 26 gols em 47 jogos. Fernandão, o segundo que mais balançou as redes, tem 11 gols.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas