Coreia do Sul garante vaga na Copa do Mundo; veja classificados

esportes
01.02.2022, 16:00:00
Coreia do Sul está classificada para a Copa do Mundo de 2022 (KFA/Divulgação)

Coreia do Sul garante vaga na Copa do Mundo; veja classificados

Ao todo, 15 países já garantiram vaga para o Catar-2022, incluindo o Brasil

A Copa do Mundo de 2022 já tem 15 de seus 32 participantes confirmados. Nesta terça-feira (1º), a Coreia do Sul garantiu a vaga direta ao vencer a Síria por 2x0, em Dubai. Com isso, se tornou a terceira seleção representante da Ásia classificada para a competição, que acontecerá no Catar entre os dias 21 de novembro e 18 de dezembro.

Os dois gols foram marcados no segundo tempo. Aos oito minutos da etapa, Kim Jin-Su recebeu cruzamento preciso de Kim Tae-Hwan e cabeceou firme para o gol. E, aos 26, Kwon Chang-Hoon ampliou. A vitória fez a Coreia do Sul chegar a 20 pontos na tabela do grupo A, e não pode mais ser alcançada pelos Emirados Árabes Unidos.

Será a 11ª participação da seleção em Copas do Mundo, e a 10ª consecutiva. O país tem conseguido ir aos Mundiais em sequência desde 1986. Além disso, disputou a edição de 1954. Em 2002, quando foi sede ao lado do Japão, a Coreia do Sul obteve sua melhor participação no torneio, com a quarta colocação.

Ao todo, 15 seleções já se garantiram na Copa do Mundo do Catar até o momento, incluindo o Brasil.

Veja os classificados:

Anfitrião

  • Catar

Eliminatórias Sul-Americanas

  • Brasil
  • Argentina

Eliminatórias Europeias

  • Alemanha
  • Bélgica
  • Croácia
  • Dinamarca
  • Espanha
  • França
  • Holanda
  • Inglaterra
  • Sérvia
  • Suíça

Eliminatórias Asiáticas

  • Coreia do Sul
  • Irã

***

Em tempos de desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informações nas quais você pode confiar. E para isso precisamos de uma equipe de colaboradores e jornalistas apurando os fatos e se dedicando a entregar conteúdo de qualidade e feito na Bahia. Já pensou que você além de se manter informado com conteúdo confiável, ainda pode apoiar o que é produzido pelo jornalismo profissional baiano? E melhor, custa muito pouco. Assine o jornal.


Relacionadas