Correio lança exposição Cenas de Carnaval, confira

entretenimento
13.02.2019, 23:30:00
Atualizado: 13.02.2019, 23:36:45
Exposição Cenas de Carnaval foi inaugurada no Salvador Shopping (Fotos: Betto Jr.)

Correio lança exposição Cenas de Carnaval, confira

A mostra faz parte do projeto Correio 40 anos e reúne imagens históricas da maior festa de rua do planeta

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Quem nunca se perdeu no tempo quando parou para dar uma olhada naquele velho álbum de família?  Agora, imagine se você pudesse voltar cinco, dez ou vinte anos atrás e dar de cara com aquela foto do show inesquecivel no Carnaval, ou o registro daquele bloco que marcou sua memória? 

É exatamente essa sensação que a exposição Cenas de Carnaval traz para o público soteropolitano. A mostra faz parte do projeto do CORREIO 40 anos e relembra momentos icônicos da maior festa de rua do planeta. Com curadoria do editor de fotografia Marcio Costa e Silva e do jornalista Ivan Dias Marques, a exposição foi inaugurada hoje (13) no piso L1 do Salvador Shopping, podendo ser visitada, gratuitamente, até o dia 26 de fevereiro.

“Acho que a exposição revive um pouco de todas as sensações, da multiculturalidade que o Carnaval tem. Ela desperta alegria, admiração, saudade. É o momento de registrar o Carnaval como uma festa grande e importante para nossa cidade”, afirmou Ivan.

Ivan Marques e Marcio Costa e Silva são os curadores da exposição

O espaço foi montado pensando na interatividade que público mantém com a folia. Por isso, um painel participativo foi montado para que o público pudesse escolher a foto, ampliar, diminuir e procurar o que achasse mais interessante. Para os menos curiosos, telas de led foram colocadas para reprisar as fotografias tiradas por profissionais e ex-profissionais do jornal, em diferentes épocas.

Ao fundo, uma linha do tempo foi montada e destaca os grandes momentos vividos no Carnaval, como a presença de artistas internacionais; as estreias de blocos afro como o Olodum e o Malê Debalê em 1980; e as grandes inovações dos artistas, como a percussão colocada à frente do trio durante  nos anos 90 por Carlinhos Brown. 

Betto Jr., Marina Silva e Arisson Marinho são fotógrafos do CORREIO e tiveram suas fotos expostas

Para trazer ainda mais o gostinho de Carnaval, os cantores  Márcia Short e  Edu Casanova comandaram a trilha sonora da abertura. Edu destacou a importância desses registros para a memória da festa de rua. “Nós artistas transformamos a energia popular em música, e o CORREIO fotografou e transformou isso nessas imagens, um Carnaval do povo”. Já Márcia agradeceu ao CORREIO por retribuir aos artistas que estiveram presentes no Carnaval. “Essa exposição é, para nós artistas, a certeza da nossa história bem contada, bem retratada. Registrada para sempre”, disse. 

Mas nem só de cliques dos famosos foi montada a exposição. Para Marcio, a essência do Carnaval está naquilo que passa mais despercebido, no anonimato. “Sem as pessoas não há festa, as pessoas anônimas dão vida ao Carnaval. Isso é o encanto, por isso procuramos mostrar as pessoas que traduzem essa alegria. Elas são tão importantes quanto os artistas”, disse .

O diretor de Jornalismo e Mídias Digitais do jornal, Roberto Gazzi, contou que, quando o projeto de 40 anos foi idealizado, foi pensada uma comemoração para toda a cidade. “Nós temos uma história muito rica, assim como nosso acervo fotográfico, formado por excelentes profissionais”, afirmou. 

A cantora Márcia Short se apresentou durante a mostra
O cantor e compositor Edu Casanova também animou a exposição 

Cenas de Carnaval é um oferecimento do Bradesco, com patrocínio do Hapvida e apoio da Claro, Fieb, Salvador Shopping, Vinci Airports e Unijorge.

*com orientação da editora Ana Cristina Pereira 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas