CSA vence com golaço de Carlinhos e deixa a zona de rebaixamento

esportes
22.09.2019, 19:21:00
Atualizado: 22.09.2019, 19:25:08
(Foto: Francisco Cedrim/RCortez/CSA)

CSA vence com golaço de Carlinhos e deixa a zona de rebaixamento

Clube alagoano bateu o Ceará dentro de casa

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

O CSA contou com uma excelente atuação de seu goleiro Jordi e com o gol do lateral Carlinhos, para bater o Ceará por 1 a 0, neste domingo (22), pela 20ª rodada do Campeonato Brasileiro. A partida aconteceu no estádio Rei Pelé, em Maceió.

O goleiro Jordi, com pelo menos seis grandes defesas, foi o destaque da equipe alagoana. O CSA completa três jogos sem derrota no Brasileiro e respira na luta contra o rebaixamento, chegando aos 19 pontos. O Ceará, por outro lado, completou seis jogos sem vitória no Brasileiro e permanece com 22 pontos.

O primeiro tempo no estádio Rei Pelé foi do goleiro Jordi, que fez pelo menos quatro defesas e evitou que o CSA fosse para o intervalo em desvantagem.

Quem criou, porém, a primeira chance foi o CSA. Aos cinco minutos, Bustamonte quase marcou de cabeça. O Ceará respondeu um minuto depois, com Willian Oliveira. Ele mandou uma bomba e Jordi defendeu. Aos 14, foi a vez de Lucas França evitar o 1 a 0 no placar. Alecsandro apareceu sozinho na área, bateu e o goleiro do Ceará salvou.

Até o final do primeiro tempo, Jordi fez pelo menos outras três excelentes defesas. Aos 24, evitou gol de Leandro Carvalho e um minuto depois de Lima. Aos 39, Lima limpou dois marcadores, chutou e o goleiro do CSA espalmou para escanteio.

A etapa final iniciou com as duas equipes no ataque e criando boas chances de gol, o CSA duas vezes com Bustamante e o Ceará, com Felipe Cardoso. O gol do CSA saiu aos 18, com Carlinhos. O lateral passou pelo marcador e bateu de fora da área no ângulo. A bola ainda bateu na trave antes de entrar.

O Ceará ainda buscou o empate, mas parou novamente no goleiro Jordi, que fez pelo menos duas defesas antes do final do jogo. No final da partida, Dawhan se desentendeu com Galhardo e a partida teve dez minutos de acréscimos.

Na próxima jornada da competição, o Ceará recebe, na quarta-feira, às 19h30, o Cruzeiro, na Arena Castelão. O CSA vai até São Paulo encarar o Palmeiras, na quinta-feira, às 19h15, no Pacaembu

FICHA TÉCNICA
CSA 1 X 0 CEARÁ

CSA - Jordi; Apodi, Alan Costa, Luciano Castán e Carlinhos; Naldo (Jean Cléber), João Vitor, Jonatan Gómez e Dawhan; Bustamante (Bruno Alves) e Alecsandro (Ricardo Bueno). Técnico: Argel Fucks.
CEARÁ - Lucas França; Cristovam, Valdo, Tiago Alves, João Lucas; Fabinho, Willian Oliveira (Mateus Gonçalves)e Thiago Galhardo; Lima, Leandro Carvalho (Wescley) e Felippe Cardoso (Bergson). Técnico: Enderson Moreira.
GOL - Carlinhos, aos 18 minutos do segundo tempo.
ÁRBITRO - Ricardo Marques Ribeiro (MG).
CARTÕES AMARELOS - Dawhan e Jonathan Gómez (CSA); Thiago Galhardo e Lima (Ceará).
PÚBLICO - 11.935 pagantes.
RENDA - R$ 107.024,00.
LOCAL - Estádio Rei Pelé, Maceió (AL).

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas