Dois morrem em ação policial que desmontou fábrica clandestina de armas

bahia
01.10.2018, 07:35:00
Atualizado: 01.10.2018, 15:20:50

Dois morrem em ação policial que desmontou fábrica clandestina de armas

Submetralhadoras eram montadas e vendidas na fábrica

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Foto: Divulgação

Equipes das Rondas Especiais (Rondesp) Leste desmontaram uma fábrica clandestina que montava e vendia submetralhadoras no interior da Bahia. Na ação, dois homens foram mortos em troca de tiros com a polícia.

O flagrante ocorreu na tarde desse domingo (30), na cidade de São Gonçalo dos Campos, município da microrregião de Feira de Santana. Duas submetralhadoras e diversas peças para montagem dos armamentos foram apreendidas.

Os militares faziam abordagens em Feira quando flagraram um motociclista com uma submetralhadora em uma sacola. Durante depoimento inicial o suspeito, que ainda não foi identificado, contou que comprou o armamento em um imóvel em São Gonçalo dos Campos.

Chegando no local indicado, três homens reagiram à abordagem policial atirando. Um fugiu e os outros acabaram não resistindo aos ferimentos. Com eles, os militares encontraram mais uma submetralhadora, uma espingarda calibre 12, diversos carregadores e peças utilizadas para fabricação daquele tipo de armamento.

A polícia continua as buscas ao suspeito que conseguiu fugir. Ele é conhecido pelo prenome de Osmar, segundo informações da Secretaria da Segurança Pública (SSP-BA).

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas