Duo AnaVitória conversa com o CORREIO sobre nova fase e combo de shows na Bahia

entretenimento
22.08.2018, 06:40:00
Cantoras falaram sobre amadurecimento amoroso e pessoal (Foto: Divulgação)

Duo AnaVitória conversa com o CORREIO sobre nova fase e combo de shows na Bahia

"Insistimos para que o primeiro show dessa nova turnê fosse em Salvador", declara Ana Caetano, parte compositora da dupla

Ana e Vitória não cansam de crescer, tanto profissional como pessoalmente. A dupla, conhecida pelos nomes grudados, alcançou, em menos de uma semana, o primeiro lugar no iTunes Brasil, além de emplacar duas canções no Top 50 do Brasil no Spotify e outras 8 também no Top 100 do maior streaming da música. No top 200, foram parar todas as faixas do novo e segundo disco lançado, intitulado de O Tempo é Agora. Além disso, o filme baseado na história das cantoras tem lotado salas de cinema. 

Conhecidas como grandes vozes da nova MPB e com apenas três anos de carreira, as jovens do Tocantins encantaram artistas de diversas gerações, como Nando Reis, Tiago Iorc, Carlinhos Brown e Saulo, que chegou a lançar uma faixa, intitulada de Clareiamô, em parceria com o duo.

O imenso carinho pela Bahia das vencedoras do Grammy Latino não fica escondido nem nas legendas das fotos postadas no Instagram. A imagem escolhida para divulgar o início da nova turnê da dupla, por exemplo, já deixa claro: “Uma foto que não é de agora, pra falar de um tempo que é agora, que, por acaso, também é uma turnê. Essa foto é em Salvador. Vamo pra Salvadô no dia 2 (de setembro). Quem vai? Saudade”, declaram as jovens. 

Em conversa com o CORREIO, elas contaram que bateram o pé para que os primeiros shows da nova turnê acontecessem em Salvador e Feira de Santana. “Fizemos o pedido para todos da organização. O início da outra turnê também foi em Salvador e queríamos que fosse aí de novo. É que a energia da galera dessa cidade é uma coisa outra. Dá nem pra explicar direito, só sentindo mesmo. A gente não sabia o que esperar no início da primeira turnê da nossa vida e foi em Salvador que a mágica aconteceu e nos abriu os olhos pra essa conexão real entre esse tanto de corações e os nossos”, conta Ana Caetano, 23, parte compositora do duo. "Vai ser o segundo show da turnê (em Salvador), mas tá valendo. Ao menos, vai ser no dia 2 de setembro, o mesmo dia em que aconteceu na turnê passada", completa.

Confira algumas das novas músicas do duo, cujo álbum está disponível também no YouTube:



DESPEDIDA NO FESTIVAL DE INVERNO
Antes das novas canções chegarem aos palcos no próximo mês, porém, uma despedida para os fãs: um último show da turnê passada vai acontecer nesta semana, no Festival de Inverno, em Vitória da Conquista, onde as meninas fazem a abertura do segundo dia de evento. Os shows de 2017, que vão receber a última versão no palco do festival, eram focados no primeiro disco do duo, que levava o nome da dupla na capa.

“Vai ser uma despedida dessa primeira fase que continua com a gente, mas que se transformou agora. Vamos relembrar todo o show do primeiro disco, talvez com algumas surpresas no meio”, fica o suspense de Vitória Falcão, 23, que coescreve algumas das canções com Ana. No meio tempo entre o primeiro álbum e o novo, o duo lançou, inclusive, dois EPs, além de singles extras. 

As jovens, porém, deixam claro que o disco passado não vai ser esquecido após o momento do adeus. “Os próximos shows vão ter pedacinhos de toda a caminhada. Apesar do foco no novo álbum, não vamos esquecer do que veio antes dele”, afirma Ana, que continua a apresentar letras sobre as nuances do amor e da paixão, mas agora com traços sobre a importância do autoconhecimento, de momentos de solidão e da não idealização.

Relembre músicas do primeiro disco:


NOVO DISCO E FILME
O novo disco de Anavitória continua a misturar folk, pop e MPB, mas a mudança que chama a atenção nas poesias de Caetano, que prossegue metafórica e profunda, é, justamente, as mensagens das letras.

"Escrevi o primeiro disco com 16 e 17 anos, agora, na faixa dos 20, não vejo mais aquele amor idealizado, em que você mal conhece a pessoa e já acha que vai passar o resto da vida com ela. Agora viso mais o processo de construção, do encanto das etapas e da importância de estar com quem amplie o seu amor-próprio", relata a compositora.

Entre as dores da perda, as novas canções passeiam pelo encontro consigo do eu lírico e também por descrições do que seria um relacionamento saudável - após a chegada de uma maturidade que, para elas, não significa endurecer.

"Demos o nome de O Tempo é Agora porque, apesar de qualquer coisa que possa parecer precisar de calma, o sentimento precisa ser ouvido em sua urgência. E ele é sempre já", poetiza a dupla.

As jovens, inclusive, trazem a maioria dos títulos recentes no filme que separou os nomes das cantoras para tratar das suas particularidades. A obra Ana e Vitória, que foi filmada de forma independente, trata, em sua maior parte, no entanto, de reflexões sobre os relacionamentos contemporâneos. "Tudo ali é para mostrar que o certo e o errado são coisas relativas. O que importa mesmo é a verdade entre as pessoas que estão se relacionando e o desejo de amar", diz Vitória.

No longa musical, as meninas se relacionam com homens e mulheres e fazem isso com leveza. "Apesar de nem tudo o que acontece ali ter acontecido na nossa vida real, não fizemos nada que não faríamos aqui fora ou que não fizemos - até aprender o melhor", contam Ana e Vitória, que roteirizaram o filme com Matheus Souza e encaixaram cenas poéticas e críticas em meio ao que é intitulado de uma comédia romântica.

Veja o trailer do filme:

Preparadas para colocar os pés na estrada e ainda sem previsão de novos clipes, o combo de shows do duo, que começa pela terra do dendê, promete emoção com todas as músicas do novo trabalho da dupla. "Calendário é a nossa canção favorita no momento, mas vai chegando uma nova fase e mudamos", declaram as vozes dos sucessos Trevo e Agora Eu Quero Ir e das novas: Ai, Amor e Cecília (que têm feito o público chorar) e Outrória, favorita de muitos dos casais que estão começando o romance.

SERVIÇOS DOS SHOWS NA BAHIA:

FESTIVAL DE INVERNO: VITÓRIA DA CONQUISTA
DIA E HORA: Sábado (dia 25), às 19h.
LOCAL: No Parque de Exposições Teopompo de Almeida.
INGRESSOS: R$ 122 e R$ 61 para quem for curtir a Arena; R$ 160 para quem for curtir o camarote; e R$ 260 para quem optar pelo Open Prime. Ainda existem os passaportes para os três dias, que ficam entre R$ 640 e R$ 292.
VENDAS: Site Eventim ou através da página oficial do FIB.

TURNÊ O TEMPO É AGORA: FEIRA DE SANTANA
DIA E HORA: 01/09, às 21h
LOCAL: No Aria Hal
INGRESSOS: R$ 100 | R$ 50 (plateia); R$ 140 | R$ 70 (camarote).
VENDAS: Balcões de Ingressos Central Mix, no site da Central Mix e através do Aplicativo Ária Hall.

TURNÊ O TEMPO É AGORA: SALVADOR
DIA E HORA: 02/09, às 19h
LOCAL: Na Concha Acústica (TCA)
INGRESSOS: R$ 120 | R$ 60 (plateia); R$ 240 | R$ 120 (camarote).
VENDAS: Bilheterias do TCA, SACs Barra e Bela Vista e Ingresso Rápido.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas