Em clima de Ba-Vi, Argel Fucks aposta em mistério total

e.c. vitória
25.04.2017, 17:30:00

Em clima de Ba-Vi, Argel Fucks aposta em mistério total

Técnico decidiu fechar os portões nos dois treinos que antecedem o clássico

Em semana de Ba-Vi, todo cuidado é pouco. Quando o clássico é decisivo, então, todo mistério é bem-vindo. Pelo menos é nisso que o técnico Argel Fucks parece acreditar. O comandante rubro-negro, que costuma dizer que fechar treino e esconder escalação não ganha jogo, parece ter mudado de opinião. Nesta terça-feira (25), os portões do Barradão estavam fechados e não foi liberada nem mesmo a famosa entrevista coletiva antes das atividades. Amanhã, na quarta (26), Cleiton Xavier concederá entrevista e, logo em seguida, os portões voltarão ser fechados.

Foto: Maurícia da Matta/EC Vitória


No jogo decisivo contra o Paraná, pela Copa do Brasil, por exemplo, ele escondeu quem seriam os titulares do confronto e contradisse o próprio discurso de que "quando fechar o treino, vai mostrar a escalação, porque isso não ganha o jogo". É um direito que assiste ao treinador. Afinal, a cautela é compreensível, já que os próximos jogos do rubro-negro serão tensos: quatro Ba-Vis, todos decisivos.

Os dois primeiros valem nada menos que uma vaga na final da Copa do Nordeste - o primeiro duelo será quinta-feira (27), no Barradão, enquanto o segundo será domingo (30), na Fonte Nova. Os outros clássicos, jogados nos dias 3 e 7 de maio, valem a taça, o título de campeão baiano de 2017. 

Esconder as armas que tem, encarando o mesmo adversário em quatro jogos seguidos, é uma missão praticamente impossível. As cartas na manga são escassas, o elenco conhecido e estudado do goleiro ao centroavante, e só resta apostar em um esquema tático inovador, uma movimentação diferente em campo, nos ensaios de jogadas de bola parada. Ba-Vi é decisivo nisso, no detalhe, em cada ponto do jogo. 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas