Em negociação com o Bahia, Grupo City anuncia compra do Palermo

esportes
04.07.2022, 18:35:00
Dirigentes do Palermo comemoram a chegada do Grupo City (Foto: Divulgação/Palermo)

Em negociação com o Bahia, Grupo City anuncia compra do Palermo

Clube italiano será a 11ª franquia do City no mundo

O Grupo City anunciou nesta segunda-feira (4), a compra de mais um clube de futebol. O fundo árabe adquiriu o Palermo, que atualmente joga a segunda divisão da Itália. A tradicional equipe italiana está em fase de recuperação e nos últimos três anos subiu da Série D para a Série B. 

"O Palermo é um grande clube, histórico, com uma forte e orgulhosa identidade. Vamos trabalhar juntos para continuar o trabalho fantástico e crescer o clube de maneira sustentável nos próximos anos. Esse é um clube muito especial, e nosso desafio será agregar valor a tudo o que o faz especial, melhorando a performance dentro e fora de campo", comentou Ferran Soriano, o CEO do City Football Group.

Com o acordo, o Grupo City tornou-se sócio majoritário do Palermo. O conglomerado informou que o atual presidente do clube, Dario Mirri, vai continuar no cargo e também como o chefe do conselho do Palermo.

O Palermo vai ser o 11º clube administrado pelo Grupo City ao redor do mundo. Além deles, fazem parte da lista de franquias o Manchester City (Inglaterra), New York City (Estados Unidos), Melbourne City (Austrália), Mumbai City FC (Índia), Lommel SK (Bélgica), ESTAC Troyes, (França), Montevideo City Torque (Uruguai), Yokohama Marinos (Japão), Girona (Espanha), Sichuan Jiniu (China). 

O fundo árabe tem parceria ainda com o Bolivar, da Bolívia. O grupo fornece ao clube boliviano tecnologia e metodologia. 

Bahia será o próximo
Além do Palermo, o Grupo City mantém negociações para adquirir uma possível SAF do Bahia. Recentemente representantes da empresa estiveram em Salvador para conhecer os patrimônios do tricolor. 

O presidente Guilherme Bellintani também esteve na Inglaterra para negociar de perto. As partes estão na fase  final da formulação do acordo. Após o envio da proposta oficial de compra, o documento vai ser analisado pelo Conselho Deliberativo do Bahia. 

A decisão final sobre vender ou não as ações do tricolor para o Grupo City será tomada pelos sócios do clube em AGE que será convocada após o parecer do Conselho.

***

Em tempos de desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informações nas quais você pode confiar. E para isso precisamos de uma equipe de colaboradores e jornalistas apurando os fatos e se dedicando a entregar conteúdo de qualidade e feito na Bahia. Já pensou que você além de se manter informado com conteúdo confiável, ainda pode apoiar o que é produzido pelo jornalismo profissional baiano? E melhor, custa muito pouco. Assine o jornal.


Relacionadas