Emicida lança AmarElo, música em parceria com Majur e Pabllo Vittar

entretenimento
25.06.2019, 17:20:00

Emicida lança AmarElo, música em parceria com Majur e Pabllo Vittar

Faixa contém sample de Belchior e ganhou clipe emocionante nesta terça (25); veja

Emicida lançou na tarde desta terça-feira (25) o clipe de AmarElo, canção em parceria com Pabllo Vittar e a baiana Majur. O clipe entrou no ar às 12h no YouTube, mas a faixa já havia sido divulgada nas plataformas de streaming  durante a madrugada. Esta é a faixa-título do próximo projeto de estúdio do cantor e o segundo single da obra que ele tem chamado de "experimento social". Em maio, o rapper lançou Eminência Parda, primeira música de trabalho da iniciativa.

O emocionante clipe de AmarElo foi registrado registrado no Complexo Morro do Alemão, com direção de Sandiego Fernandes e roteiro do próprio Emicida. "No primeiro passo desse processo, a nossa intenção era que as pessoas se sentissem grandes ao olharem no espelho. Agora, a ideia é que elas observem ao redor e se enxerguem maiores do que os seus problemas, independente de quais sejam", diz Emicida. 

A música é introduzida com um sample de  Sujeito de Sorte, de Belchior, mas também traz uma versão cantada pelo rapper, Majur e Pabllo Vittar. As duas convidadas também cantam um trecho de Permita Que eu Fale, de autoria de Emicida, que traz a seguinte mensagem: "Permita que eu fale, não as minhas cicatrizes".“As duas trazem, em suas vivências e em suas obras, histórias bonitas a respeito de acreditar em si e de lutar contra o mundo para ser quem são”, explica Emicida sobre as participações. 

No videoclipe de AmarElo, antes do início da música com o sample de Belchior, surge um áudio real recebido por Emicida de alguém próximo, que não viu saída que não o suicídio, mas sobreviveu e hoje está bem. Ao incluir o áudio, no vídeo, ele retoma Belchior. "Belchior tinha razão", diz o rapper. "Aê, maloqueiro, aê, maloqueira, levanta essa cabeça, enxuga essas lágrimas, respira fundo e volta a correr / Cê vai sair dessa prisão, vai correr atrás desse diploma", rima Emicida, já no fim da música. "Faz isso por nós, continua.

"A música é cheia de mensagens importantes, atuais e que retratam a diversidade, a luta e a força que vivemos todos os dias. O valor social que AmarElo carrega é enorme e vai promover reflexões que precisam, cada vez mais, ser levantadas", complementa Pabllo.

O novo disco de Emicida será lançado pelo selo dele, Laboratório Fantasma, com distribuição da Sony Music. O rapper estará no Rock in Rio, como atração do Palco Sunset, com show ao lado do dup Ibeyi, no dia 3 de outubro. 

***

Em tempos de desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informações nas quais você pode confiar. E para isso precisamos de uma equipe de colaboradores e jornalistas apurando os fatos e se dedicando a entregar conteúdo de qualidade e feito na Bahia. Já pensou que você além de se manter informado com conteúdo confiável, ainda pode apoiar o que é produzido pelo jornalismo profissional baiano? E melhor, custa muito pouco. Assine o jornal.


Relacionadas