Encontro de tradições acontece nesta sexta-feira (23) no Centro Histórico

variedades
23.06.2017, 06:40:00

Encontro de tradições acontece nesta sexta-feira (23) no Centro Histórico

Festa junina para quem não dispensa as tradições juninas em três palcos diferentes
Geraldo Azevedo vai homenagear as tradições nordestina no São João do Centro Histórico (foto:Divulgação)

Quem não dispensa festas juninas repletas de tradição não pode deixar de conferir a programação do Centro Histórico de Salvador, nos espaços do Terreiro de Jesus, Largo do Pelourinho e Cruzeiro de São Francisco. Ao contrário do que ocorria em anos anteriores, esse ano, as praças Tereza Batista, Pedro Arcanjo e Quincas Berro D’água ficarão de fora dos festejos para passar por uma reforma.

Cada palco contará com, pelo menos, quatro atrações por noite. Nessa sexta, quem estiver no Centro Histórico poderá conferir os shows de Flávio José, Cicinho de Assis, Gereba e Val Macambira. As apresentações terão início às 17 horas.No sábado, será a vez de Targino Gondim, Geraldo Azevedo, Zelito Miranda, Jorge Zarath, Bando Virado no Mói de Coentro. 

Targino Godin avisa que a proposta do seu show que traz uma mistura das músicas novas do CD e uma homenagem ao período junino. “Nesse momento delicado, onde há tantas discussões por conta da falta de sensibilidade de alguns, levaremos a sanfona para o palco e faremos um espetáculo bem dançante, especialmente para aqueles que gostam de dançar agarradinhos”, pontua. Lançado no final de Abril e intitulado ‘Amor que Apaixona’, o novo trabalho de Targino deverá ganhar uma versão em DVD, que será gravado em Exu, cidade natal de Gonzagão.

Para Geraldo Azevedo, a festa no Centro Histórico da capital baiana terá muita animação, xote e baião. “Salvador é uma cidade muito especial. Sou sempre muito bem recebido pelo povo baiano. Estou bem feliz com essa turnê pelo Estado. A expectativa é de um show caloroso e inesquecível”, diz. O cantor pernambucano se posiciona como alguém em prol da cultura, da preservação da tradição dos festejos juninos. “Tem espaço para todos brilharem e, para isso, é só saberem fazer a programação sem esquecer de priorizar o São João”, diz.

  • Confira programação do São João de Paripe e do Pelourinho

 

Sexta-feira (23)

Paripe

17h - Menina Forrozeira

19h - Saulo Fernandes

21h - Luan Santana

23h - Papazoni

1h - Pra Casar

 

Largo do Pelourinho

17h - Tio Barnabé

19h - Colher de Pau

21h - Carlos Vilela

23h - Val Macambira

1h - Gereba

 

Terreiro de Jesus

17h – Filomena

19h - Cicinho de Assis

21h - Flávio José

23h – Genard

1h - Jó Miranda

 

Cruzeiro de São Francisco (Sala de Reboco)

17h - Trio Anarriê

19h - Zefa di Zeca

21h - Rebeca Tárique

23h - Zelito Bezerra

1h - Zé de Tonha

A Orquestra Sanfônica foi uma das atrações do Pelourinho (Foto: Arisson Marinho/ CORREIO)

Sábado (24)

Paripe

17h - Dan Valente

19h – Estakazero

21h – Pablo

23h - Seu Maxixe

1h - Jhony Paixão

 

Largo do Pelourinho

17h - Kiko Salli

19h - Cacau com Leite

21h - Flor de Maracujá

23h - Poiz é

1h - Jorge Zarath

 

Terreiro de Jesus

17h - Del Feliz

19h - Targino Gondim

21h - Geraldo Azevedo

23h - Zelito Miranda

1h - Tenison Del Rey

 

Cruzeiro de São Francisco (Sala de Reboco)

19h - Amor e Brasa

21h - Mel sem Pimenta

23h - Bando Virado no Mói de Coentro

1h - Cole Comigo

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas