Entendemos que não somos más e, de tão boas, assustamos mesmo!

textão
13.09.2018, 12:05:43
Atualizado: 13.09.2018, 13:09:36

Entendemos que não somos más e, de tão boas, assustamos mesmo!

Algum dia disseram que meninas brigavam com meninas. Disseram que elas juntas era confusão, e que elas não seriam confiáveis umas para as outras.

Disseram que a gente se aponta, se critica, se cobra e se julga o tempo inteiro. E que por isso era melhor nos manter isoladas.

Então depois de tanto dizerem, tentaram fazer disso verdade.

Esqueceram, no entanto, que de tanto afirmarem nos fizeram duvidar, mexeram com a nossa autoimagem, com a nossa autoestima e ainda começaram a querer nos impedir de sonhar.

Começaram querendo nos manter em casa: estudar e trabalhar não era coisa de menina, como se cuidar da casa, dos filhos, bordar, ou cozinhar não fosse trabalhoso! E assim foram deturpando os valores.

Com o tempo algumas de nós foram percebendo a cilada que tinham nos colocado, e que aquelas “verdades” não eram tão verdadeiras assim.

Aos poucos, algumas de nós foram vendo que o que diziam e faziam não era sobre a nossa “má índole”, ou “incapacidade de ser amiga”, ou sobre nosso “déficit de aprendizagem”, mas sim sobre o medo de nos ver fortes e ocupando espaços, por que ser forte não era coisa de menina, e que foi assim que nos tornamos o “sexo frágil”! Passamos a questionar e a querer ver reconhecida a nossa parte! Passamos a perceber os nossos potenciais afinal, quem nos definia era quem nos limitava, e esses limites podiam ser quebrados porque podemos mais!

Entendemos que não somos más, e de tão boas assustamos mesmo! O desafio é a gente acreditar nisso. Fazer todo esse potencial ser visto, lembrado e respeitado! Se separadas já somos esteio de família (financeiro e emocional), inventoras, inquietas, revolucionárias e criativas, imagina juntas? Não há corrente mais forte do que seu elo mais fraco, então acredite em você, fortaleça você, e seja fortaleza para o outro! Porque sim, não precisa ser forte o tempo todo, e é por isso que se uma estremece a outra ergue! Minoria é conceito numérico, e matematicamente somos milhões de umas, e por isso mesmo que a gente não só pode como deve ocupar espaços e disseminar a nossa relevância!

Do nosso modo, do nosso jeito, com amor e cuidado, vendo aquela a nossa volta. E lembrando sempre: duas é mais que uma!

Gisele Dias é life coach.

Texto originalmente publicado no Facebook e replicado com autorização da autora.
 


Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/maisa-e-o-alvo-de-marcelo-tas-no-provocacoes-desta-terca-feira-16/
Ela responde a perguntas sobre temas mais complicados, como as polêmicas com seu patrão, Silvio Santos
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/coronel-joao-sa-pelo-menos-190-casas-serao-demolidas-apos-rompimento-de-barragem/
As residências estão no leito do rio e foram condenadas pelo Ministério de Minas e Energia
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/ministerio-publico-fara-pericia-em-barragens-de-pedro-alexandre-e-coronel-joao-sa/
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/cadeirante-pega-ponga-em-busu-perde-o-controle-e-cai-em-avenida-veja-video/
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/padre-marcelo-rossi-sobre-empurrao-fui-salvo-foi-um-milagre/
Sacerdote foi agredido enquanto presidia uma missa no último domingo (14)
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/gravado-em-salvador-dvd-de-luan-santana-sera-lancado-no-globoplay/
Álbum estará disponível na integra no dia 23 de agosto
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/gravida-e-transferida-de-helicoptero-em-cidade-onde-barragem-rompeu-na-ba-video/
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/volante-do-atletico-mg-se-aposenta-aos-32-por-problemas-cardiacos/
Adílson teve cardiomiopatia hipertrófica diagnosticada em exames de rotina
Ler Mais