'Era uma final e tínhamos que ganhar', avalia Fabiano Soares após estreia no Vitória

e.c. vitória
01.05.2022, 10:40:00
(Pietro Capri/EC Vitória)

'Era uma final e tínhamos que ganhar', avalia Fabiano Soares após estreia no Vitória

Treinador estreou com triunfo no Leão e destacou quais pontos ainda precisam ser melhorados

Após estrear com triunfo sob o comando do Vitória, o treinador Fabiano Soares concedeu entrevista coletiva e destacou a postura positiva do time na partida contra o Manaus, que terminou 1 a 0 para o Leão, neste sábado (30).

Apesar do pouco tempo que teve para treinar o elenco, o técnico reconheceu que conseguiu ver mais organização dentro de campo e falou sobre a postura ofensiva. “Eu acho que elevei a organização, da forma como queremos que o time jogue. Algumas movimentações ofensivas ainda têm que ser melhoradas também, eu acho que hoje foi boa, e é o suficiente para, pouco a pouco, ir melhorando a maneira de jogar e a intensidade do jogo”, explicou.

A intensidade, aliás, ainda foi inconstante dentro da partida. Com um primeiro tempo sem chances claras criadas para abrir o placar, o Vitória só conseguiu um ritmo maior a partir do segundo tempo. Fabiano destacou esse ponto, mas fez a ressalva que “o importante era ganhar”.

Treinador promoveu sete mudanças no time titular em sua estreia (Foto: Pietro Capri/EC Vitória)

“Eu espero que os próximos jogos não sejam como esse. A gente tinha uma final hoje, tínhamos que ganhar para dar mais tranquilidade aos jogadores. Estamos elevando o nível de intensidade do grupo e eu espero que daqui pra frente as coisas melhorem, eles [jogadores] vão correr mais, pegando mais a forma e a maneira que a gente quer jogar. Com mais intensidade, com cara do Vitória, um time grande, né? Fazer com que eles [adversários] rifem a bola e termos mais tranquilidade com a bola. Acho que a gente vai conseguir, mas hoje era uma final. Ganhamos e a partir de agora eu espero conseguir vitórias mais tranquilas”, definiu.

Fabiano também explicou que uma de suas principais características como treinador é colocar seus times para atuar em linhas mais altas na marcação do seu adversário e ter uma pressão pós perda de bola eficiente. 

“Isso aí é inegociável. Vai ser sempre assim e eu acho que é uma maneira correta da gente recuperar o quanto antes a bola, e depois tratar ela bem para conseguir criar chances de gol. Quando estivermos em um dia bom, vamos fazer mais gols. Eu penso que é por aí que a gente tem que começar. Estamos começando um pouco hoje, mas essa lista vai evoluir e eu tenho certeza que nos próximos dias a gente vai jogar melhor”, disse o treinador.

Sobre as atuações individuais, Fabiano elogiou a postura do atacante Alisson Santos, que teve papel importante durante o segundo tempo, levando perigo para a meta do Manaus com finalizações.

“Essa foi uma semana muito corrida, mas vimos coisas boas no no Alisson, é um jogador diferente. Mas tem que ser corrigido porque é muito jovem, e estaremos em cima. Tenho certeza que a torcida vai ver melhorias nesse jogador e, consequentemente, ele vai nos ajudar a ganhar mais jogos”.

O treinador ainda agradeceu pelo apoio da torcida que compareceu ao Barradão na noite de sábado. “Queria agradecer a torcida que sempre apoiou, não reclamou nunca e eu acho que pode ser um ponto de partida para mais vitórias e que se Deus quiser vamos conquistar”, completou.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas