Especialista afirma que vinagre não alivia efeitos do gás lacrimogêneo

brasil
19.06.2013, 09:54:00

Especialista afirma que vinagre não alivia efeitos do gás lacrimogêneo

Segundo o professor Luiz Caldas, da UFF, o vinagre pode causar irritação

Da Redação

O vinagre se tornou central para os manifestantes que realizam protestos pelo Brasil reivindicando melhorias sociais de diversos tipos. A onda de manifestações também chegou a receber a alcunha de "Revolta do Vinagre". E isso não somente por fazer parte do imaginário popular como um produto capaz de diminuir os efeitos negativos do gás lacrimogêneo e do spray de pimenta, mas também por ter se tornado símbolo da repressão policial em São Paulo depois que um jornalista da Carta Capital e outros manifestantes foram detidos por portá-lo.

Apesar disso, o vinagre pode não é a melhor solução para evitar os transtornos físicos das armas químicas empregadas pela polícia com o intuito de conter e dispersar os manifestantes. De acordo com o professor Luiz Querino Caldas, especialista em toxicologia média da Universidade Federal Fluminense (UFF), o produto pode inclusive piorar a situação: "O vinagre é ácido acético. Vai causar irritação também", explica ele ao jornal Extra.

Segundo ele, a melhor forma de se proteger é evitando o contato com os químicos, utilizando óculos de proteção (fechados nas laterais) e máscaras respiratórias com carvão ativado. Sendo que esta última não é de fácil acesso à população. Caso não consiga evitar respirar os produtos, o especialista indica o que fazer: "Se a pessoa entrou em contato com essas substâncias, deve ir para um local com ar puro. Lavar as áreas irritadas ajuda. Mas, como o gás é aspirado, o desconforto só vai passar quando o princípio ativo perder o efeito".

Dentre os dois químicos, o mais perigoso é o gás lacrimogêneo, que entra pelas vias respiratórias e atinge os pulmões. Sintomas comuns são falta de ar, aumento de secreção e tosse, além de lacrimejamento e irritação conjuntival. Embora seja bastante incomum, a inalação destes produtos químicos pode causar pneumonite química. Pessoas com problemas respiratórios e asma têm maior vulnerabilidade às substâncias.


Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/veja-como-foi-a-vitoria-do-lyon-sobre-o-monaco-pelo-frances/
Em parceria com DAZN, CORREIO transmitiu duelo da 18ª rodada
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/em-entrevista-carolina-dieckmann-diz-que-ja-beijou-mulher/
Ela também disse que nunca usou botox e que se acha mais bonita hoje do que quando mais nova
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/extremamente-arrependidos-diz-defesa-do-casal-que-agrediu-baiano-de-6-anos-no-df/
Advogado Rafael Pitzer informou que clientes receberam ameaças de morte
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/conheca-a-historia-de-joao-gabriel-goleiro-do-vitoria-ate-2021/
Cria da base, sergipano deixou a Toca em 2012; de volta, reencontrou ex-treinador
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/empresario-baiano-acusado-de-sonegacao-milionaria-e-preso-no-rio/
Dívida de dono da antiga Sandpiper é de quase R$ 4 milhões
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/duda-beat-apresenta-sua-sofrencia-pop-pela-primeira-vez-em-salvador/
A pernambucana foi considerada a artista revelação do ano pela APCA
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/mae-defende-mulher-que-agrediu-menino-baiano-no-afa-do-momento/
Ela usa como justificativa, ainda, que a criança teria xingado sua filha
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/alunos-da-ufba-apresentam-purificador-de-agua-que-usa-luz-solar-para-investidores/
Projeto Aqualuz é um dos destaques de evento na USP, nesta sexta (14)
Ler Mais