Faltam só 10 rodadas na Série A: o que Bahia e Vitória precisam?

e.c. bahia
11.10.2018, 05:00:00
Atualizado: 11.10.2018, 12:56:59
Enderson terá que pontuar em casa; Carpegiani, fora (Felipe Oliveira / EC Bahia e Maurícia da Matta / EC Vitória)

Faltam só 10 rodadas na Série A: o que Bahia e Vitória precisam?

Brasileirão entra na reta final e chegou o momento de fazer contas

Restam só 10 rodadas para o final da Série A e chegou a hora de pegar a calculadora. Em resumo, a situação da dupla Ba-Vi é a seguinte: não dá mais para desperdiçar pontos dentro de casa.

No caso do Bahia, isso pode fazer toda a diferença. Os três próximos duelos do Esquadrão como mandante, a começar pelo de sábado (13), às 21h, serão com concorrentes diretos. O primeiro, pela 29ª rodada, é contra o lanterninha Paraná, equipe que, além disso, perdeu 13 dos 14 jogos que fez como visitante.

Na sequência, o Bahia, em 14º lugar no momento, terá Chapecoense (16º), no dia 4 de novembro, pela 32ª rodada, e Ceará (17º), no dia 13 de novembro, pela 34ª rodada.

Com essa tabela, o tricolor poderá – na verdade, terá que - melhorar o seu rendimento em casa. Teve seis triunfos, seis empates e duas derrotas, um aproveitamento de 57%, que o coloca com a 14ª melhor campanha como mandante.

Além dos três já citados, o Bahia ainda enfrentará Fluminense e Cruzeiro na Fonte Nova, justamente os dois últimos compromissos em casa. Como visitante, serão mais cinco duelos, incluindo o Ba-Vi da 33ª rodada.

No 1º turno, o Bahia somou 17 dos 30 pontos possíveis nos 10 jogos finais (veja abaixo). Contra o Paraná, perdeu por 1x0, mas empatou com a Chapecoense por 1x1 e venceu o Ceará por 2x0.

Foi o melhor momento do Esquadrão na Série A, quando teve oito jogos de invencibilidade. Não foi maior porque o triunfo sobre o Ceará foi adiado e ocorreu um mês depois, no final de agosto.

Dos dez adversários finais do Bahia, sete estão na metade de baixo da tabela: Paraná, Botafogo, Corinthians, Chapecoense, Vitória, Ceará e América Mineiro.

Rubro-negro
O Vitória também terá a sua sequência com três confrontos diretos, mas todos fora de casa. O primeiro no domingo (14), às 11h, contra a Chapecoense.  Na Arena Condá, a Chape só perdeu duas vezes. Tem sete triunfos e cinco empates.

Depois disso, o Leão, atual 18º colocado, enfrenta o Paraná no dia 4 de novembro, pela 32ª rodada, e o Sport (19º), no dia 13 de novembro, pela 34ª rodada.

Para escapar, o rubro-negro terá que melhorar, e muito, seu rendimento como visitante. Em 14 jogos, perdeu 10 e empatou três. Venceu só uma, o 3x2 sobre o Vasco, em maio, pela 5ª rodada. Tem a 17ª campanha fora de casa.

As duas últimas partidas do Vitória fora de Salvador serão contra Cruzeiro, pela 36ª rodada, e Palmeiras, na derradeira. Neste caso, pode ser uma boa ou má notícia. É que o Verdão é atualmente líder e pode chegar ao duelo já com o título ou precisando de pontos para conquistá-lo.

No Barradão, serão cinco jogos, incluindo um Ba-Vi e o Grêmio, na penúltima rodada. Se o tricolor gaúcho chegar à final da Libertadores, poderá vir a Salvador com o time reserva, já que a decisão do título é apenas quatro dias depois.

No 1º turno, o Leão teve um desempenho abaixo da média nos 10 jogos finais: somou 11 de 30 pontos possíveis, um aproveitamento de 36% (veja abaixo). Por outro lado, venceu todos os rivais diretos citados – Chape, Paraná e Sport – por 1x0.

Dos dez adversários finais do Vitória, cinco estão neste momento na metade de baixo da tabela. São eles Chapecoense, Corinthians, Paraná, Bahia e Sport.

Quais as chances de rebaixamento?
Segundo o departamento de Matemática da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), Bahia e Vitória precisam chegar, neste momento, a 44 pontos para escapar do rebaixamento. Neste caso, as chances de degola são de 4,6%. Com 45 pontos, cai para 0,7%.

Para o Leão, seria preciso somar 15 pontos de 30 – um aproveitamento de 50% para o time que tem hoje 34,5%. Já o tricolor precisa de 13, um rendimento de 43% para o time que tem 37% hoje.

Por conta disso, a UFMG prevê uma chance de 58% de degola para o Vitória e de 26% para o Bahia. O tricolor também corre menos risco de jogar a Série B 2019 do que América-MG (27,8%), Chapecoense (29,5%), Vasco (35%), Sport (78,8%) e que o virtual rebaixado Paraná (99,9%).


Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/bandidos-fazem-servidores-de-posto-de-saude-como-refens-na-santa-cruz/
Após tiroteio com 3 mortes, grupo invadiu unidade; Bope negocia liberação de servidores
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/pm-morto-a-facadas-em-ondina-faria-aniversario-na-proxima-semana/
Jailton Souza de Araújo completaria 51 anos no próximo domingo (16)
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/attooxxa-lanca-chora-viola-aposta-de-musica-para-o-verao/
Banda lança single na sexta-feira (14), quando dá início à temporada do BAILAUM BLACK BANG
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/pm-morto-em-ondina-foi-atacado-com-facadas-por-desconhecido-em-beco-video/
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/e-preciso-encrespar-marcha-influencia-cabecas-no-centro-da-cidade/
De volta às ruas neste domingo, Marcha do Empoderamento Crespo aposta na estética black como forma de encrespar contra o racismo
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/veja-tudo-o-que-aconteceu-no-segundo-dia-de-festival-de-verao/
Aviões, Safadão, Jorge e Mateus, Alok, Ivete Sangalo e Gusttavo Lima se apresentaram no domingo (9) de evnto
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/republica-do-trava-linguas-entenda-os-problemas-de-fala-de-bolsonaro-e-lula/
Presidente eleito tem anquiloglossia, enquanto ex-presidente sofre de ceceio
Ler Mais
Rael, Anitta, Natiruts, Nação Zumbi, Inner Circle, Alpha Blondy e Planet Hemp se apresentaram
Ler Mais